Mostrando postagens com marcador Russia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Russia. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Processo de paz na Síria sob à égide da ONU, é uma solução que a França sugere


Por: Redação OD

O ministro de Relações Exteriores Francês, Srº Jean-Yves Le Drian, disse nesta quinta-feira que será necessário relançar um processo político para a Síria, onde envolveria-se a comunidade internacional neste trabalho sob orientação da ONU. "Hoje as negociações de Astana, torna o cenário político fraco. Assim, precisamos relançá-lo para garantir que a comunidade internacional se una em torno deste projeto sob a égide da Organização das Nações Unidas e do seu enviado especial para a Síria. Este será um grande tópico durante à Assembléia Geral na próxima semana", disse Le Drian em uma coletiva de imprensa junto ao seu colega chinês Wang Yi.

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Vídeo espetacular registra a performance de um caça Su-35S à baixa velocidade


Por: Redação OD
Imagens publicadas em mídias sociais, mostram um caça Su-35S realizando diversas manobras no céu na região da ilha Russky. A aeronave efetuou várias acrobacias aérea a uma velocidade baixíssima, junto com outros aviões e solo. O Su-35 é um caça multifuncional de geração 4++, desenvolvido pela empresa Sukhoi.  Este caça possui tal classificação e características, por se aproximar das aeronaves de 5ª geração, pois atendem às exigências para esse tipo de aeronaves, mas não possuem a tecnologia Stealth e a tecnologia de radar de varredura eletrônica ativa (AESA). O Su-35 entou em serviço em 2014.

sábado, 18 de agosto de 2018

Departamento de Estado redireciona US$ 230 Mil da Síria e Senadores demonstram descontentamento


Por: Redação OD
Frente a recente decisão do Departamento de Estado dos EUA em redirecionar US$ 230 milhões da estabilização na Síria, membros do Parlamento Americano se mostraram muito irritados com a medida, onde alguns observam que tal atitude permitirá que a Russia possa vir a fortalecer mais ainda o apoio dado ao presidente Bashar Assad, disse um membro do Comitê de Relações Exteriores do Senado, Bob Menendez, em comunicado à imprensa nesta sexta-feira. No início do dia, o Departamento de Estado anunciou que estava redirecionando o montante de US$ 230 milhões, o qual destina-se ao financiamento da estabilização da Síria, para outras prioridades de política externa ainda a serem determinadas. 

Cephalopoda: O drone submarino Russo que será o futuro caçador de submarinos


Por: J.G Araújo

A Rússia está trabalhando em um novo drone subaquático armado, projetado para destruir submarinos inimigos. O drone Cefalópode não tripulado leva como armamento torpedos pequenos e leves capazes de ferir fatalmente submarinos inimigos no campo de batalha submerso de alta pressão. De acordo com o especialista em guerra submarina HI Sutton, este drone da Rússia também chamado de “drone submarino assassino” desde 2015, quando sua existência foi revelada ao lado do torpedo do nuclear Poseidon. O cefalópode foi compreensivelmente ofuscado pela descoberta da arma submarina de 100 megatons, mas à sua maneira é uma ameaça ao poderio militar ocidental.

quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Pela primeira vez a Base Aérea de Anadyr, no extremo oriente Russo, recebe o pouso de bombardeiros TU-160


Por: Redação OD

A base aérea de Anadyr, localizada na região de Chukotka no extremo oriente da Russia, recebeu pela primeira vez em suas instalações bombardeiros Tu-160 de transporte estratégico de mísseis, segundo comunicado do Ministério da Defesa Russo nesta quinta-feira (16). "As tripulações de dois bombardeiros Tu-160 de transporte estratégico de mísseis fizeram o 1.º pouso na base de Anadyr como parte de um treino tático de voo (…) onde as tripulações puderam praticar voos diretos viajando cerca de 7 mil km", relatou o comunicado.

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Ministério da Defesa Russo, libera documentos inéditos sobre à atuação dos pilotos soviéticos na 2ª Guerra Mundial


Por: Redação OD

O Ministério da Defesa Russo, liberou para consulta pública, arquivos sobre a aviação militar Russa com à atuação de seus pilotos durante a Grande Guerra pela Pátria (como é conhecida a Segunda Guerra Mundial na Russia), conforme revelou o Departamento de Informação e Comunicação de Massas do ministério. Serão publicados documentos detalhados sobre as ações dos pilotos, cujo nomes não tinham sido revelados antes, e entre eles está o do Tenente-júnior Vladimir Gulyaev, que conseguiu desferir um golpe pesado contra o inimigo e aterrissar o seu avião semi-destruído. 

quinta-feira, 19 de julho de 2018

Vídeo da Força Aérea Russa mostra exercício conjunto entre caças MiG-31 com mísseis Kinzhal e bombardeiros Tu-22M3


Por: Redação OD

A Força Aérea Russa vem realizando exercícios conjuntos de caças MiG-31 armados com mísseis hipersônicos Kinzhal e de bombardeiros de longo alcance Tu-22M3, revelou o Ministério da Defesa em um comunicado à imprensa. De acordo com a nota, a Russia continua tomando medidas para reforçar a sua segurança militar, e a criação de novos sistemas estratégicos de armas visa aumentar ainda mais a capacidade de prevenir-se de qualquer agressão contra a Russia e aos seus aliados. "Desde abril de 2018, no âmbito das iniciativas de contenção estratégica, está sendo efetuado, por meio de aviões MiG-31 com mísseis Kinzhal, o patrulhamento aéreo do mar Cáspio", relata o ministério.

sábado, 14 de julho de 2018

Ucrânia acerta compra de 55 helicópteros Airbus Helicopters, para diminuir dependência de equipamentos russos



Por: Redação OD

Em um anuncio feito no dia de hoje (14) pelo primeiro vice-ministro do Interior da Ucrânia, Serhiy Yarovoy, dar-se conta que este país acertou a compra de 55 helicópteros da empresa Airbus Helicopters para uso das forças de segurança da Ucrânia, assim com este advento se colocará um fim a dependência técnica do país em relação a produtos provenientes da Russia. As aeronaves que irão compor a venda serão: 24 unidades do H125, 10 do H145 e 21 do H225. Mais cedo, o governo ucraniano anunciou um acordo com à Airbus Helicopters e segundo o comunicado relatando o acerto.

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Representante do Pentágono adverte ditador sírio para não atacar forças americanas e aliadas na Síria


Por: Redação OD

Durante coletiva de imprensa, o representante do Estado-Maior Conjunto do Pentágono, general Kenneth McKenzie, afirmou que “um ataque contra tropas dos EUA e de seus aliados na Síria seria uma má ideia", comentando as palavras do presidente sírio Bashar Al-Assad sobre a intensão de se usar a força para libertar o território sírio. As forças dos EUA que operam na Síria e seus aliados tiveram alguns confrontos com as tropas governamentais sírias, mas em geral as partes têm conseguido evitar sérios conflitos. Parte significativa do território no norte e no leste da Síria é controlada pelas Forças Democráticas da Síria (FDS), constituídas principalmente por curdos que recebem apoio de Washington. 

quinta-feira, 31 de maio de 2018

TU-214ON: Olhos Russos sobre os países da Aliança


Por: Redação OD

O avião de reconhecimento Tu-214ON, passou pela 1ª etapa de certificação no âmbito do Tratado de Céus Abertos. A aeronave, dotada de um um moderno complexo informático a bordo, que vão desde câmeras de longo alcance a uma base de produção onboard. Este pode ser um dos motivos que o Tu-214ON provoca tanta especulação no mundo sobre sua suíte, pois à aeronave é a única da Força Aeroespacial da Rússia que tem autorização oficial para permanecer sobrevoando o espaço aéreo dos países-membros da OTAN.

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Vídeo feito por drone mostra dois caças Su-57 voando em formação durante exercícios Aviadart 2018


Por: redação OD

Um vídeo, exibido e compartilhado pelo canal de TV russo "Zvezda", onde aparecem dois caças Su-57 voando em um formação fechada e executando o que parece ser, um turno de formação (em vez de um “turno de combate”) durante os exercícios russos “Aviadart 2018”, apresenta o caça em um ângulo diferente de observação. De acordo com a agência de notícias russa TASS, os dois caças de 5ª geração foram pilotados por pilotos de teste do Experimental Design Bureau, Durante o vídeo, não aparece nada de novo sobre o controverso e ainda incompreendido Su-57 (antigo T-50), onde o qual recentemente completou um curto desdobramento para a Síria, mas é particularmente interessante já que foi filmado por um drone.

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Investigadores Holandeses confirmam que abate do voo MH17 da Malaysia Airlines fora feito por brigada do Exército Russo

Buk-M3: Sistema russo de defesa antiaérea

Por: Redação OD

A equipe de investigadores holandeses, responsáveis pelo laudo final sobre o abate do Boeing 777 da Malaysia Airlines, no leste da Ucrânia, em 2014, chegaram a conclusão de que o míssil lançado para este fim trágico, fora lançado por uma "brigada do Exército da Federação Russa", confirmou nesta quinta-feira (24/05) em uma coletiva o promotor holandês, Fred Westerbeke, onde o qual afirmou que os investigadores "fizeram um grande progresso com a identificação de aproximadamente 100 pessoas envolvidas no fato", embora que, as investigações ainda "estão longe de terminar", ressaltou o promotor.

quinta-feira, 10 de maio de 2018

Irã ataca alvos militares Israelenses e em resposta Israel usa caças e mísseis contra posições do Irã na Síria

Mísseis atravessam o céu de Damasco, na Síria - 10/05/2018 (Omar Sanadiki/Reuters)
Por: Redação OD

Forças Iranianas, dispararam cerca de 20 mísseis contra alvos militares de Israel  localizados nas Colinas de Golã nesta quarta-feira (9), segundo o Exército israelense. Alguns dos projéteis foram interceptados pelos sistemas de defesa israelenses, de acordo com as primeiras informações. O ataque foi lançado pelas Força Quds, uma unidade especial do Exército de Teerã, de dentro do território sírio, segundo os israelenses. Não há relatos de feridos ou mortos. O coronel israelense Jonathan Conricus afirmou em uma ligação telefônica com diversos jornalistas que as bases militares sofreram danos “limitados”, segundo o jornal Financial Times. Ainda de acordo com o militar, as forças israelenses revidaram o ataque.

sábado, 5 de maio de 2018

Departamento de Defesa dos EUA deseja reativar a sua Segunda Frota para conter 'ameaças russas' no Atlântico Norte


Por: Redação OD

De acordo com fontes ouvidas pelo portal de defesa USNI News, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos estão prestes a anunciar, os planos de reativação da Segunda Frota do Norte no Oceano Atlântico, após publicação da nova Estratégia Nacional de Defesa do país, a qual deixa claro que os EUA estão de volta a era de grandes competições de poder, segundo afirmou o chefe de operações navais John Richardson nesta sexta-feira, afirmando ainda que a medida seria motivada principalmente por supostas ameaças impostas pela Russia na região onde a frota irá operar.

sábado, 28 de abril de 2018

Índia busca experiência técnica para incrementar sua indústria de equipamentos militares e fortalecer suas forças armadas


Por: Redação OD
Ao longo da década mais recente, a Índia tem sido o maior importador mundial de equipamentos militares (aeronaves, navios e afins), em sua grande maioria de proveniência Russo, e com isso o governo indiano pretende acabar com essa dependência. O primeiro-ministro, Narendra Modi, vem tentando construir uma indústria de equipamentos militares capaz de fornecer uma maior parte das necessidades da Índia no setor e até exportar armamentos para outras nações. O governo vem oferecendo incentivos a empresas estrangeiras de equipamentos militares em busca de contratos de parceria com empresas indianas, compartilhando com elas sua tecnologia.

domingo, 22 de abril de 2018

Grupo Naval de ataque dos EUA poderá permanecer no mar Mediterrâneo para "conter" à Russia


Por: Redação OD

De acordo com o site especializado em defesa, Defense News, autoridades norte-americanas ainda não tomaram uma decisão definitiva quanto ao assunto, mas contudo, a continuação da missão seria uma "resposta às ações da Rússia na região e corresponderia à nova estratégia da segurança nacional". O porta-aviões norte-americano USS Harry S. Truman (CVN-75) pode permanecer no mar Mediterrâneo para "contenção" da Russia, comunicou neste sábado (21) o site , citando suas fontes.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Reunião no Azerbaidjão entre generais da Otan e Rússia, busca aliviar tensões após meses de negociações

Gerasimov e Scaparotti: generais de Rússia e Otan se reuniram em raro encontro - Reprodução
Por: Redação OD

Na tentativa de aliviar as tensões geradas recentemente entre a Russia e o Ocidente desde o fim da Guerra Fria, o chefe do Estado-Maior russo e o comandante supremo da Otan fizeram uma rara reunião nesta quinta-feira, em Baku, capital do Azerbaidjão. O general do Exército dos Estados Unidos, Curtis Scaparrotti, que detém o comando das forças da Otan, e o seu homólogo russo, Valery Gerasimov se encontraram menos de uma semana após que, os Estados Unidos, Reino Unido e França realizaram bombardeios à Síria em retaliação a um suposto ataque com armas químicas, feito pelas forças do presidente Bashar al-Assad, aliado da Russia.

domingo, 15 de abril de 2018

A anatomia de um ataque: de onde partiram, quais armas foram usadas e que alvos foram atacados na Síria


Por: Redação OD

"O maior envio de forças militares para a uma zona de conflito, desde a guerra do Iraque" era o título da revista TIME. Tendo a foto do porta-aviões USS Harry S. Truman, como ilustração principal, numa clara demonstração de força e capacidade deste navio em transportar um variado mix de aeronaves (90 ao total). Na quarta-feira, dois dias antes deste ataque, o porta-aviões tinha suspendido de sua base naval na Virginia em direção ao Mediterrâneo. Menos de 48 horas depois, EUA, França e Reino Unido atacara, a Síria. De onde foram lançados esses ataques e quais armas foram utilizadas?

sábado, 14 de abril de 2018

Estados Unidos ataca a Síria, apoiado por Reino Unido e França. Mísseis são resposta a suposto ataque químico

Mísseis cortam o céu de Damasco: EUA, França e Reino Unido lançam ataque contra instalações de armas químicas na Síria - Hassan Ammar / AP
Por: Redação OD
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou no final da noite desta sexta-feira (13), que um ataque militar seria realizado à Síria, em represália ao suposto ataque com armas químicas lançado no último sábado contra Douma, na região de Ghouta Oriental, subúrbio de Damasco. Os Estados Unidos e vários países ocidentais culparam o regime de Bashar al-Assad pelo ataque. Segundo o secretário da Defesa americano, James Mattis, o ataque foi único, "preciso" e limitado a alvos relacionados ao que seria o programa de armas químicas do regime de Assad, e que se procurou reduzir o risco de envolvimento de forças da Rússia, que apoiam Damasco. Em pronunciamento pela TV, Trump disse que os ataques tiveram o apoio militar da França e do Reino Unido.