sábado, 9 de junho de 2018

Super Tucanos da FAB interceptam avião monomotor que transportava 300 kg de pasta base de cocaína vindo da Bolívia


Por: Redação OD

A Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou, na manhã deste sábado (09/06), um avião carregado com cerca de 300 kg de pasta base de cocaína. O monomotor PT- IDV proveniente da Bolívia foi interceptado por aeronaves de ataque A-29 Super Tucano. A interceptação faz parte da Operação Ostium para coibir ilícitos transfronteiriços, na qual atuam em conjunto a Força Aérea Brasileira e a Polícia Federal. Duas aeronaves A-29 Super Tucano e um avião radar E-99 foram empregados para monitorar e efetuar a interceptação do monomotor, que não respondeu às interrogações, uma das etapas das Medidas de Policiamento do Espaço Aéreo, e foi classificado como suspeito. 

Exercício emprega mais de 20 aeronaves Super Tucano na Serra do Cachimbo durante 45 dias. Militares realizam testes dos sistemas de armas dos aviões

Efetividade do sistema de armas do A-29 Super Tucano é testado durante o EXTEC

Por: Redação OD

O silêncio da selva amazônica dá lugar ao som dos motores dos A-29 Super Tucano e das explosões dos armamentos lançados por eles. Foi assim que começou no dia 21 de maio o Exercício Técnico (EXTEC) Ar-solo 3° Grupo, no Campo de Provas Brigadeiro Velloso (CPBV), localizado na Serra do Cachimbo, sul do Estado do Pará. Durante 45 dias, cerca de 250 militares e mais de 20 aeronaves dos esquadrões do 3° Grupo de Aviação realizam treinamento e qualificação em emprego de armamento aéreo contra alvos no solo. O exercício conta ainda com uma equipe do 7°/8° GAV (Esquadrão Harpia) que prestará o apoio para eventuais missões de Busca e Salvamento. Sediados, respectivamente, em Boa Vista (RR), Porto Velho (RO) e Campo Grande (MS), os Esquadrões Escorpião (1°/3° GAV), Grifo (2°/3° GAV) e Flecha (3°/3° GAV), têm a oportunidade de verificar a efetividade dos pilotos e dos sistemas de armas das suas aeronaves A-29 Super Tucano, seja com armamento de exercício ou real. 

Boeing ganha novo contrato no valor de US$ 862 milhões para entregar 18 caças F-18 (E/F) Super Hornet à U.S navy


Por: Redação OD

A Boeing ganhou mais um contrato com o governo dos EUA na ordem de US$ 862 milhões para entregar mais 18 caças F/A-18 (E/F) Super Hornet à Marinha dos Estados Unidos (U.S Navy), informou em nota o Departamento de Defesa à imprensa. "A Boeing Co., com sede na cidade St. Louis, no Estado do Missouri, recebeu deste governo o valor de US$ 862.249.233 pela aquisição de 15 caças F/A-18 E e 3 caças F/A-18 F Lot 42 para a US Navy", disse a nota nesta sexta-feira. O Super Hornet pode ser configurado com até cinco tanques extras de combustível externos e ter modularidade suficiente para ser convertido em um reabastecedor aéreo, se assim for preciso. Além disso, o Super Hornet também serve como base para a aeronave Growler ECM. A maior parte do trabalho será realizada nos estados da Califórnia e do Missouri, com uma data de conclusão prevista para 2020.

*Com informações de agências de notícias internacionais

Novos oficiais do Corpo de Fuzileiros Navais revivem marcha histórica entre as cidades de Paraty (RJ) e Cunha (SP)

Oficiais alunos durante a marcha
Por: Redação OD

No final do mês de maio, 48 novos oficiais do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) reviveram a histórica marcha entre as cidades de Paraty-RJ e Cunha-SP, realizada pela Marinha, em 1932. A marcha, com extensão de 48 Km, foi o exercício final do Curso de Especialização de Guerra Anfíbia (C-Esp-GAnf), realizado no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC), com o objetivo de qualificar os segundos-tenentes do CFN para o exercício das funções de caráter operativo de Comandante de Pelotão de Fuzileiros Navais. A realização da marcha permitiu aos jovens oficiais, além de completar seu treinamento, conhecer um importante episódio da História do Brasil.

Chega a Ucrânia 4 aeronaves КС-135 Stratotanker para utilização no reabastecimento de bombardeiros estratégicos


Por: Redação OD

A Força Aérea dos EUA  enviaram à Ucrânia quatro aviões КС-135 Stratotanker para utilizar no reabastecimento de bombardeiros estratégicos, os aviões de reabastecimento foram transferidos para a cidade de Lvov das bases aéreas RAF Mildenhall (Reino Unido), McConnell AFB (Kansas, EUA), Beale AFB (Califórnia, EUA) e da base da Guarda Nacional dos EUA em Illinois. Junto com eles chegaram cerca de 150 tripulantes e pessoal de apoio, informa o portal Obozrevatel. Segundo nota da assessoria de imprensa da Força Aérea dos EUA na Europa e África, seu objetivo é o aumento da segurança dos aliados dos EUA na Europa de Leste e do nível de cooperação militar entre os membros da OTAN e os parceiros da aliança.

Exército Brasileiro recebe Certificado de Registro do Instituto Nacional da Propriedade Industrial sobre a marca Guarani


Por: Redação OD

O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) concedeu ao Exército Brasileiro, por intermédio da Diretoria de Fabricação (DF), o Certificado de Registro da Marca Guarani que, nos termos das normas vigentes, assegura a garantia da propriedade e do uso exclusivo da marca ao Exército Brasileiro. A Viatura Blindada de Transporte de Pessoal Média de Rodas Guarani (VBTP-MR Guarani) faz parte dos Projetos Estratégicos do Exército e passou da fase de Projeto para Programa Guarani, que se encontra em estágio de produção, de acordo com a descrição da Gestão do Ciclo de Vida dos Sistemas e Materiais de Emprego Militar.

Hackers chineses obtêm planos secretos de desenvolvimento do míssil anti-navio supersônico da Marinha dos EUA


Por: Redação OD

Um grupo de Hackers que trabalham de forma clandestina para o governo chinês, corromperam dados dos computadores de uma empresa que presta serviços à Marinha dos EUA e roubaram um volume imenso de dados altamente confidenciais relacionados à guerra submarina. Os dados incluem os planos secretos para o desenvolvimento de míssil anti-navio supersônico, que começará a ser utilizado pela força de submarinos americanos a partir de 2020, de acordo com representantes do governo dos EUA. As investigações estão em curso, mas autoridades americanas falaram sob condição de sigilo que as violações aconteceram em janeiro e fevereiro. 

Gabinete de Intervenção estuda a possibilidade de contratar Militares da Reserva para aumentar o efetivo policial


Por: Redação OD

A Secretaria Estadual de Segurança Pública do Rio de janeiro pretende contratar militares da reserva como uma forma de aumentar o efetivo policial nas ruas. A medida consta no plano estratégico da intervenção federal que foi finalizado pelo Gabinete de Intervenção e assinado pelo general Walter Braga Netto no último dia 29. Mas, o secretário estadual de Segurança Pública general Richard Nunes, que confirmou que o plano foi finalizado, não informou quantos agentes devem voltar à ativa, nem quando, já que a medida precisa de aprovação legislativa. O plano estratégico com o detalhamento das ações que a intervenção pretende executar está sendo cobrado desde que a medida foi anunciada em fevereiro. No entanto, ele não foi divulgado pelo gabinete de intervenção.

Pentágono pressiona e OTAN irá enviar instrutores ao Iraque para treinar as Forças Armadas locais


Por: Redação OD

De acordo com o comunicado dado pelo secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, em conjunto com o chefe do Pentágono, James Mattis, a OTAN deverá de enviar em breve uma nova missão composta por algumas centenas de militares, com o objetivo de vir treinar de forma mais contundente, as Forças Armadas Iraquianas atendendo a um pedido de colaboração vindo do governo Iraquiano. O teor do pedido foi dedicado à luta da aliança contra o grupo terrorista Daesh, "A pedido do governo Iraquiano e da coalizão global, a OTAN enviará em breve uma nova missão ao Iraque, que consistirá de várias centenas de instrutores e pessoal militar, onde iremos treinar o exército iraquiano e desenvolver vários centros de treinamento militar em solo iraquiano", disse Stoltenberg. 

quarta-feira, 6 de junho de 2018

PROSUB: S-40 Riachuelo tem data prevista para o seu lançamento ao mar, no dia 12 de dezembro


Por: Anderson Gabino

A Estratégia Nacional de Defesa, lançada em 2008, estabeleceu que o Brasil venha a ter uma "força naval de envergadura". Neste mesmo ano, foi firmado um acordo de transferência de tecnologia entre os governos do Brasil e e da França, o qual veio viabilizar a produção de quatro submarinos convencionais (S-BR), que se somarão à frota de cinco submarinos Classe Tupi já existentes, e culminará na fabricação do primeiro submarino brasileiro com propulsão nuclear (S-BRN). Passados 10 anos, desde que fora firmado o primeiro acordo Brasil/França, és chegada a data que todos esperam ansiosamente. Durante visita no último dia 04/06, a imprensa especializada foi convidada pela Marinha do Brasil para realizar um check-out, nas instalações da Itaguaí Construções Navais (ICN), onde foi confirmada que a data prevista para o lançamento do submarino Riachuelo (S-40) ao mar, seja no dia 12 de dezembro.