sábado, 29 de setembro de 2018

Forças Francesas no Mali efetuam grande ofensiva contra terroristas islâmicos

Imagem não oficial, do que seria o lançamento de tropas do 2eme REP da Legião Estrangeira realizado na região de Manaka, aonde ocorre desde o dia 27 uma grande ofensiva contra o Estado Islâmico do Grande Sahaara e outros que infestam a região de fronteira entre o mali e Níger. Imagem via AFP.
 Por: Redação OD.

As Forças Armadas Francesas no âmbito da Operação Barkhane lançaram uma operação aerotransportada com 120 Paraquedistas do 2o REP da Legião Estrangeira nesse dia 27, e, essa operação está culminando neste sábado 29/09 em uma grande ofensiva contra a ação de diversos grupos de terroristas islâmicos na região de Menaká, área do Mali próxima a fronteira com o Níger, terroristas estes que  promoveram massacres contra civis Tuaregs (tribos nômades do norte da Africa) e ofereceram forte resistência até mesmo contra grupos de Forças Especiais francesas operando na região.


Pessoal militar e civil de bases americanas na Europa em alerta de segurança



Por: Redação OD.

Desde ontem, os serviços de comunicações internas das bases militares americanas e outras da NATO/OTAN estão divulgando alertas sobre a possibilidade de atos de agressões e até mesmo de ataques terroristas ao seu pessoal civil e militar, alerta esse extensivo aos familiares e outros cidadãos americanos e colaboradores europeus, principalmente aos baseados na Alemanha, e inclusive para militares de nações amigas em serviço na Europa.

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

A-400 Atlas realiza 1a operação de lançamento em combate de Tropas Paraquedistas no Mali




Por: Redação OD.


Nessa manhã do dia 27, hora de Paris, a Armée de Terre com o apoio da Armée de l’Air realizaram uma grande operação de lançamento de Tropas Paraquedistas (1a e 2a Companhias) do 2o Régiment de Parachutistes da Legião Estrangeira em uma região desertica  de Menaká, próxima a fronteira com o Níger . Essa operação é considerada por muitos especialistas como uma reação bem desproporcional, visando uma represália direta contra um grupo terrorista dos muitos que infestam a região e são apoiados diretamente pelo Boko Haram, a filial africana do ISIS que foi fundada pela Al Quaeda por volta de 2009/2010.

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Marinha do Marrocos abre fogo contra barco de imigrantes ilegais, 1 morto,4 feridos e 25 presos

Corveta da Marinha Real do Marrocos (classe Descubierta) que teria participado da ação. Imagem ilustrativa, via Marinha Real do Marrocos.
  Por: Redação OD.

Foi confirmado pela Marinha Real do Marrocos um incidente de interceptação de embarcação em atividade ilegal/clandestina que ocorreu nessa terça dia 25, em águas de jurisdição do Reino do Marrocos já próximo do Estreito de Gibraltar, entrada do Mar Mediterrãneo.
Nesse incidente, um navio de patrulha da Marinha Real do Marrocos interceptou uma lancha rápida de grande porte do tipo "Zodiac" com um número de aproximadamente 25 passageiros clandestinos de nacionalidades diversas do norte da África e um piloto de nacionalidade espanhola de origem argelina, o barco rumava para a costa espanhola e desobedeceu aos avisos de ordem de parada para averiguação por parte da embarcação da Marinha do Marrocos. 

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

"Corridão do Cazuca" faz o chão tremer no Rio de Janeiro



Imagens via organização "Corridão do Cazuca".

Por: Redação OD.

Nessa manhã de  domingo dia 23 aconteceu no Rio de Janeiro um evento ímpar, em homenagem à todos os  militares das Forças Armadas e Policiais Militares que tombaram no combate a criminalidade e na guerra contra a narco-guerrilha no Rio de Janeiro, evento esse batizado de "Corridão do Cazuca", inicialmente em homenagem ao segundo sargento do Exército Brasileiro, Bruno Albuquerque Cazuca, de 35 anos, cuja mulher estava grávida do terceiro filho do casal, e que foi baleado e morto  durante um arrastão em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. Cercado, por aproximadamente 10 marginais, o Sargento Cazuca, lutou como os fortes para defender sua família e morreu como Comandos, em combate, digno e honrado.