Mostrando postagens com marcador Estados Unidos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Estados Unidos. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Vídeo do porta-aviões americano USS Lexington, afundado durante a Batalha do Mar de Coral mostra o navio intacto


Por: Redação OD

Os destroços do porta-aviões USS Lexington que afundou durante a Segunda Guerra Mundial foram encontrados na costa da Austrália, e em um bom estado de preservação. A equipe que encontrou a embarcação foi comandada pelo co-fundador da Microsoft Paul Allenporta-aviões estava cerca de 800 km da costa australiana e a uma profundidade de 3 km. Imagens registradas pela equipe de Allen mostra a embarcação em ótimo estado de conservação apesar dos 76 anos debaixo d’água. A embarcação, que tinha a bordo 35 aviões, afundou entre os dias 4 e 8 de maio de 1942 durante a Batalha do Mar de Coral, quando foi bombardeado incansavelmente por aviões japoneses. Mais de 200 marinheiros morreram na batalha e mais de 2000 foram resgatados.

terça-feira, 17 de julho de 2018

De tirar o folego: Tripulação de um CH 47 D Chinook do Exército dos EUA realizam missão de resgate em montanha


Por: Redação OD

Um vídeo, que vem sendo exibido por vários grupos nas redes sociais, mostra um helicóptero de transporte de carga pesada CH-47 D Chinook do Exército dos EUA, onde o mesmo fica pairado de forma suspensa "tocando" o topo da montanha em meio à uma operação de resgate de alpinistas. O helicóptero faz uso apenas de suas rodas traseiras para estabilizar a aeronave no terreno ingrimeAs imagens são impressionantes, pois é possível observar-se com clareza quando à aeronave "toca" a superfície ingrime do monte Hood (no estado norte-americano de Oregoncom suas rodas, enquanto a parte frontal do helicóptero permanece no ar. 

quarta-feira, 11 de julho de 2018

Hacker é flagrado vendendo manuais de drones das Forças Armadas dos EUA na Deep Web



Por: Redação OD
Um hacker, foi flagrado vendendo manuais de manutenção de drones usados exclusivamente pelas Forças Armadas dos EUA na Deep Web. Nas mensagens publicadas em fóruns dedicados a invasão de sistemas e informações sobre segurança, ele exibiu algumas screenshots dos arquivos que possui, pedindo de US$ 150 a US$ 200 por cada material. A primeira publicação sobre o assunto foi feita pelo hacker em 1º de junho e foi detectada pela Recorded Future, uma empresa que usa inteligência artificial e machine learning para detectar o surgimento de falhas de segurança tanto na superfície da rede quanto na Deep Web.

terça-feira, 3 de julho de 2018

Arqueólogos da agência de Defesa POW/MIA Accounting Agency (DPAA), encontram piloto desaparecido há 75 anos

Mergulhador militar francês nadando sobre destroços do avião norte-americano P-47 Thunderbolt, perto da ilha de Córsega.
Por: Redação OD

Repousando no leito do mar, à uma profundidade de 18 metros e diante de um dos mais belos visuais da Córsega, uma equipe de arqueólogos americanos (especialistas em busca de desaparecidos), auxiliados pela Marinha francesa, buscam os restos mortais de um piloto norte-americano que caiu no mar desta região durante a Segunda Guerra Mundial, no cumprimento da promessa em levar de volta para casa, todos os seus militares. "É uma questão de honra para o governo americano: não deixamos ninguém para trás, mesmo os que tombaram no campo de batalha. É uma promessa que cumpriremos, inclusive hoje, 75 anos depois", explica Simon Hankinson, cônsul-geral dos Estados Unidos em Marselha, e que acompanha de perto as buscas a partir do Pluton, navio-base dos mergulhadores da marinha francesa. 

sábado, 30 de junho de 2018

Donald Trump avalia retirar militares da Alemanha, caso esta não aumente seus gastos com Defesa


Por: Redação OD

Segundo o matéria veiculada pelo jornal Washington Post, o Departamento de Defesa dos EUA está avaliando a possibilidade de retirar as tropas americanas na Alemanha e a cúpula da OTAN ainda avaliam, se o presidente dos EUA, Donald Trump, realmente considera à ideia (durante uma reunião com militares, foi-se levantada a possibilidade) ou se ele pretende apenas pressionar os seus aliados (OTAN) a gastarem mais com defesa, antes da cúpula da Aliança Atlântica, marcada para ocorrer Bruxelas nos dias 11 e 12 de julho. Mais de 35 mil militares das forças armadas dos EUA estão baseados na Alemanha, o maior contingente de tropas americanas fora do seu território. Mas a possibilidade, vem provocando inquietação entre os países membros da Otan. 

terça-feira, 26 de junho de 2018

Austrália investe em drones não tripulados para ajudar na vigilância sobre o Mar do Sul da China

A Austrália irá investir U$S 6 bilhões para a adquisição de seis Northrop Grumman MQ-4C Triton como parte de suas operações de vigilância
Por: Redação OD

Frente a crescente “expansão” chinesa pelo tão disputado Mar do Sul da China, a Austrália está gastando grandes cifras de dinheiro em aeronaves não tripuladas, já que as mesmas podem voar mais alto e mais longe que as suas tripuladas, e assim auxiliam nas operações de vigilância sobre as áreas sensíveis. Recentemente, o primeiro-ministro Australiano Malcolm Turnbull, revelou que seu governo irá investir U$S 6 bilhões para à adquisição de seis unidades do Drone MQ-4C Triton, da empresa Northrop Grumman, "por meio do programa de vendas militares estrangeiras (Foreign Military Sales - FMS) com a Marinha dos Estados Unidos".

sexta-feira, 22 de junho de 2018

Após as tratativas no encontro em Singapura, Coreia do Norte devolve aos EUA restos mortais de seus soldados


Por: Redação OD

Um dos acordos feitos entre o presidente norte-americano, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un durante o encontro em Singapura no último dia 12 de junho, fora sobre os restos mortais de militares norte-americanos que morreram ou desapareceram durante a Guerra da Coreia. Assim, como prometido pelo líder Norte Coreano, foi anunciado que a Coreia do Norte entregou aos EUA os restos mortais de 200 militares que morreram no decorrer da guerra entre as Coreias de 1950-1953. "Recuperamos os restos dos nossos grandes heróis tombados em campos de batalha", afirmou Donald Trump, ao discursar perante aos seus apoiadores na cidade de Duluth, Minnesota, EUA. Durante a guerra na península coreana morreram mais de 35 mil militares norte-americanos. Cerca de 7,7 mil deles desapareceram. Na declaração conjunta durante o encontro histórico, Kim Jong-un confirmou que "se comprometeria a mandar efetuar as buscas dos restos mortais dos prisioneiros de guerra e desaparecidos, incluindo o retorno o mais depressa possível dos já identificados".

Turquia ignora veto do Congresso Americano, fecha com o Pentágono e garante: 'Teremos os F-35'. Lockheed Martin entrega os primeiros em Fort Worth


Por: Redação OD

Turquia e o Pentágono estão prontos para concluírem o acordo de venda dos caças F-35 à Ancara, ignorando assim a decisão dos Senadores norte-americanos, que vetaram a venda de 100 unidades do caça de 5ª geração aos turcos. "Os contatos necessários foram feitos com os EUA e a entrega dos jatos F-35 será na quinta-feira", disse Bekir Bozdag, vice-primeiro-ministro da Turquia, a imprensa na última quarta-feira dia 20, dois dias após o Senado Americano ter-se decidido em vetar o acordo. Os senadores votaram por cancelar à esperada venda, baseado nos planos de Ancara na compra dos sistemas de mísseis terra-ar S-400 Russos e a detenção de um cidadão americano por aquele governo

terça-feira, 19 de junho de 2018

Grupo técnico reúnem-se esta semana para decidir sobre parceria, mas a negociação entre Boeing e Embraer avança


Por: Redação OD

As negociações entre as empresas Embraer e Boeing avançaram nos últimos dias e uma nova reunião para tratar da criação de uma joint venture global na área de aviação deve ocorrer esta semana, disseram três fontes ligadas ao governo. As conversas entre as duas empresas e o governo federal, que detém direito de veto sobre decisões estratégicas da fabricante brasileira de aeronaves, visam enfrentar uma parceria em aviação comercial que deve ser concluída em julho entre a canadense Bombardier e a européia Airbus. Um grupo técnico fora criado dentro do governo federal para estruturar a parceria entre Boeing e Embraer e conta com a participação de integrantes dos ministérios da Fazenda, Defesa e outros órgãos.

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Trump anuncia que EUA terão uma 'força espacial' como novo braço do Pentágono e ordena sua criação imediata


Por: Redação OD

O presidente americano Donald Trump anunciou nesta segunda-feira dia 18, que os EUA terão uma 'força espacial': "É um grande anúncio. Nós teremos a Força Aérea e a Força Espacial, separadas, mas iguais", disse. "Não é suficiente haver presença americana no espaço, precisamos ter um domínio dos EUA no espaço", justificou Trump, na Casa Branca. Assim eu "ordeno que o Departamento de Defesa, (Pentágono), inicie imediatamente o processo de criação de uma força espacial, como o sexto ramo das Forças Armadas". "Nosso destino além da Terra não é apenas uma questão de identidade nacional, mas uma questão de segurança nacional", afirmou.

sexta-feira, 15 de junho de 2018

Skunk Works comemora 75 anos de inovações e sigilo a serviço dos Estados Unidos


Por: Redação OD

O que há em comum entre os os projetos dos Lockheed’s P-80 Shooting Star, F-104 Starfighter, U-2 , SR-71 Blackbird, drone supersônico D-21, F-117 e o ainda "secreto" SR-72. Todos foram projetados e desenvolvidos pela área de projetos secretos “Skunk Works” da Lockheed. Os que atuam na área de defesa e na indústria aeroespacial sabem que a Lockheed Skunk Works quebrou barreiras com suas inovações de defesa que de certo modo mudaram o mundo, e provável ela continue a fazê-lo hoje ainda, por trás de um espesso véu de sigilo. Fundada em meados dos anos 40, no auge da Segunda Guerra Mundial, quando as aquisições de defesa precisavam ser aceleradas para se permanecer a frente dos adversários do Eixo, e especialmente da Alemanha e seus programas secretos de armas, a Skunk Works da Lockheed foi encarregada de desenvolver tecnologia aeroespacial inovadora.

Estados Unidos realizam ataque aéreo na Líbia e matam um integrante da Al-Qaeda


Por: Redação OD

Forças norte-americanas, em coordenação com o governo da Líbia, comandaram um ataque aéreo contra um grupo afiliado da Al-Qaeda no sudeste da cidade de Bani Walid nesta semana, matando uma pessoa filiada aos terroristas. A ação ocorreu na quarta-feira (13), mas o anúncio foi feito pelos militares dos Estados Unidos nesta quinta. As forças armadas norte-americanas ainda calculam os resultados do ataque, que ocorreu em uma tentativa de reprimir a atuação da Al-Qaeda no Magrebe Islâmico (célula da organização no norte da África) e limitar o poder de ação dos terroristas, afirmou o Comando da África nos Estados Unidos. 

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Presidente sul-coreano revela que precisará ser 'flexível' com o Norte e concorda de revisar exercícios militares com EUA


Por: Redação OD

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, expressou sua intenção de interromper os exercícios militares conjuntos entre os dois países, os quais ele chamou de "jogos de guerra" na última terça-feira dia 12, após o encontro histórico com o líder norte-coreano, Kim Jong Un. “Se a Coreia do Norte adotar atitudes sinceras em direção a desnuclearização e a mesma adotar um diálogo com a Coreia do Sul e com os Estados Unidos para resolver hostilidades. Assim, diante destas atitudes a Coreia do Sul precisará ser flexível em relação à pressão militar imposta sobre o Norte e iremos rever questões, e uma delas será sobre os exercícios militares com os Estados Unidos, para que seja cumprido o espírito da Declaração de Panmunjom, disse o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, nesta quinta-feira, em referência ao acordo para melhor relações que fechou com Kim na cúpula intercoreana de 27 de abril.

Sobre críticas, brigas e desentendimentos, Lockheed Martin entrega seu 300º caça F-35 ao DoD Americano


Por: Redação OD

empresa Lockheed Martin, atingiu uma marca substancial ao entregar o 300º caça F-35 ao Departamento de Defesa dos EUA, informou a assessoria de imprensa da empresa nesta última segunda-feira dia 11. Em abril, o DoD emitiu um parecer, onde o mesmo recomendava em não aceitar as entregas do caça F-35 devido a uma disputa financeira. Em particular, a Lockheed Martin e o Pentágono não chegaram a acordo sobre quem deveria pagar os custos de uma falha na linha de produção. Por causa desta última, os caças de geração saíram da linha de montagem com problemas de corrosão nos painéis exteriores. O problema foi resolvido apenas em março, quando o Pentágono reautorizou o recebimento das aeronaves

quarta-feira, 13 de junho de 2018

USS Harry S. Truman e seu Grupo de Ataque, chegam a região do mar Mediterrâneo e podem atacar posições na Síria breve


Por: Redação OD

Liderado pelo porta-aviões USS Harry S. Truman (CVN-75), o strike group (Grupo de Ataque), adentrou no último domingo dia 10, na região do mar Mediterrâneo. A Marinha dos EUA havia informado posteriormente que, o grupo liderado pelo porta-aviões Harry S. Truman havia entrado na zona oriental do mar Mediterrâneo para participar de operações contra o grupo terrorista Daesh na Síria e no Iraque. Para analistas internacionais, a força naval pode ter-se deslocado ao mar Mediterrâneo para preparar um ataque com mísseis de cruzeiro e bombas contra o exército sírio. 

terça-feira, 12 de junho de 2018

Coreia do Sul aguarda um posicionamento dos EUA sobre a realização ou não de exercícios militares conjuntos


Por: Redação OD

O Ministério da Defesa Sul Coreano, afirmou que ainda tenta entender o significado das declarações do presidente dos Estados Unidos Donald Trump, onde recentemente ele disse que cancelaria os exercícios militares conjuntos entre os dois países, a pedido da Coreia do Norte, e que isso faria os EUA economizar muito dinheiro. O Pentágono há tempos argumenta que as manobras, defensivas em sua natureza, são necessárias para manter a prontidão das forças americanas na Coreia do Sul.

sábado, 9 de junho de 2018

Chega a Ucrânia 4 aeronaves КС-135 Stratotanker para utilização no reabastecimento de bombardeiros estratégicos


Por: Redação OD

A Força Aérea dos EUA  enviaram à Ucrânia quatro aviões КС-135 Stratotanker para utilizar no reabastecimento de bombardeiros estratégicos, os aviões de reabastecimento foram transferidos para a cidade de Lvov das bases aéreas RAF Mildenhall (Reino Unido), McConnell AFB (Kansas, EUA), Beale AFB (Califórnia, EUA) e da base da Guarda Nacional dos EUA em Illinois. Junto com eles chegaram cerca de 150 tripulantes e pessoal de apoio, informa o portal Obozrevatel. Segundo nota da assessoria de imprensa da Força Aérea dos EUA na Europa e África, seu objetivo é o aumento da segurança dos aliados dos EUA na Europa de Leste e do nível de cooperação militar entre os membros da OTAN e os parceiros da aliança.

Pentágono pressiona e OTAN irá enviar instrutores ao Iraque para treinar as Forças Armadas locais


Por: Redação OD

De acordo com o comunicado dado pelo secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, em conjunto com o chefe do Pentágono, James Mattis, a OTAN deverá de enviar em breve uma nova missão composta por algumas centenas de militares, com o objetivo de vir treinar de forma mais contundente, as Forças Armadas Iraquianas atendendo a um pedido de colaboração vindo do governo Iraquiano. O teor do pedido foi dedicado à luta da aliança contra o grupo terrorista Daesh, "A pedido do governo Iraquiano e da coalizão global, a OTAN enviará em breve uma nova missão ao Iraque, que consistirá de várias centenas de instrutores e pessoal militar, onde iremos treinar o exército iraquiano e desenvolver vários centros de treinamento militar em solo iraquiano", disse Stoltenberg. 

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Representante do Pentágono adverte ditador sírio para não atacar forças americanas e aliadas na Síria


Por: Redação OD

Durante coletiva de imprensa, o representante do Estado-Maior Conjunto do Pentágono, general Kenneth McKenzie, afirmou que “um ataque contra tropas dos EUA e de seus aliados na Síria seria uma má ideia", comentando as palavras do presidente sírio Bashar Al-Assad sobre a intensão de se usar a força para libertar o território sírio. As forças dos EUA que operam na Síria e seus aliados tiveram alguns confrontos com as tropas governamentais sírias, mas em geral as partes têm conseguido evitar sérios conflitos. Parte significativa do território no norte e no leste da Síria é controlada pelas Forças Democráticas da Síria (FDS), constituídas principalmente por curdos que recebem apoio de Washington. 

quinta-feira, 31 de maio de 2018

Por que a entrada da Colômbia na Otan está preocupando tanto o seus vizinhos latino-americanos?


O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, em imagem de arquivo (Foto: AP Photo/Ronald Zak)
Por: redação OD

O presidente Colombiano, Juan Manuel Santos, está em Bruxelas nesta quinta-feira (31) para formalizar um acordo de cooperação com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). O ingresso do país sul-americano, mesmo na condição de "sócio global" da aliança atlântica, preocupa os países vizinhos. Alguns especialistas latino-americanos acreditam que a cooperação pode ser interpretada como uma decisão de continuar bloqueando a influência venezuelana na região. Mas, em geral, a parceria colombiana com a aliança militar é vista como um alarme para a América Latina. Seria um sinal de que os Estados Unidos, ao lado dos europeus, estariam dispostos a interferir em questões sul-americanas.