domingo, 30 de julho de 2017

'A gente está começando a primeira batalha' diz chefe do Estado Maior Conjuto, Contra-Almirante Rossato

Contra-Almirante Roberto Rossatto, Chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas - Simone Candida / Agência O Globo
Por: Redação OD

Sob um forte calor, com a Linha Vermelha e o Batalhão da Maré como cenário, o contra-almirante Roberto Rossatto, chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas, afirmou ontem que a operação que trouxe mais de 10 mil militares para as ruas do Rio tem, pela primeira vez, uma integração total entre as forças de segurança, que “começaram a falar a mesma linguagem”.

Navios de guerra Norte-Americanos e barcos da Guarda revolucionária do Irã se envolvem em novo incidente no Golfo


Por: Redação OD

Um incidente foi registrado entre navios americanos e barcos iranianos no Golfo Pérsico, após outro caso similar na terça-feira (25), anunciou a Guarda Revolucionária do Irã em um comunicado. De acordo com o texto, o incidente aconteceu na sexta-feira (28) à tarde e envolveu o porta-aviões "USS Nimitz" e os navios de sua escolta, de um lado, e embarcações iranianas equipadas com mísseis, do outro. De acordo com a agência Efe, os Guardiões da Revolução da República Islâmica denunciaram os repetidos disparos feitos por uma embarcação americana.

Cresce o número de brasileiros que se tornam atiradores para obter licença de portar uma arma no país


Por: Redação OD

Nunca o Exército concedeu tantas licenças para pessoas físicas terem acesso à arma de fogo, os dados levantados pelo órgão mostram um "boom" inédito a partir de 2016, quando foram emitidas 20.575 autorizações, 185% a mais que os 7.215 do ano anterior e com demanda recorde, a tendência é de alta. Somente em 2017, 14.024 cidadãos já obtiveram o aval, média de 2.033 por mês ou 66 por dia, e de 2005 a 2017, o número de pessoas com a autorização válida subiu 395%, de 14.865 para 73.615. Cerca de 90% do total atual são os chamados CACs, sigla usada para denominar caçadores, atiradores e colecionadores registrados.

Navio de Transporte BARROSO PEREIRA (G 16) um japonês de alma Brasileira


Por: Anderson Gabino

O Navio de Transporte BARROSO PEREIRA, foi o segundo de uma série de quatro navios (CUSTÓDIO DE MELLO, ARY PARREIRAS e SOARES DUTRA), construído junto aos Estaleiros ISHIKAWAJIMA HEAVY INDUSTRIES CO., Japão, cuja quilha foi batida em 13 de dezembro de 1953, lançado ao mar em 07 de agosto de 1954 e incorporado à Armada em 07 de janeiro de 1955 pelo Aviso Ministerial nº 062, com indicativo visual G16. Primeiro navio da Marinha do Brasil a ostentar o nome BARROSO PEREIRA, em homenagem ao Imediato da Fragata NITERÓI, Capitão-de-Fragata Luiz Barroso Pereira, que fez parte na Campanha da Independência, perseguindo a esquadra lusitana que se retirava da Bahia até avistar as costas de Portugal.

sábado, 29 de julho de 2017

Exército Brasileiro perto de adquirir 4 unidades do Short C-23B+ SHERPA e assim voltar a possuir aeronaves de asa fixa


Por: Anderson Gabino

EXCLUSIVO  O Exército Brasileiro deu um passo importante, nos estudos que vem realizando sobre a obtenção pela força de aeronaves de asa fixa. Em uma reunião do Grupo de Trabalho (GT) do Modal Aéreo na Amazônia (GT este responsável pela análise e confecção dos relatórios sobre esta aquisição) na última sexta feira dia 28, foi apresentado ao comando da força, fotos de 04 (quatro) aeronaves Short C-23B+ SHERPA, com seus respectivos números de ordem para apreciação e verificação do comando da força. 

De -40ºC a umidade das selvas tropicais, vídeo mostra o caça F-35 B passando por testes na Base Aérea de Eglin


Por: Redação OD

Engenheiros da USAF efetuaram testes de prova final ao V/STOL Lockheed F-35onde o qual foi submetido a uma série de condições climáticas para análise da atuação do mesmo em locais extremos. O local dos testes é conhecido como laboratório McKinley e encontra-se na Base Aérea de Eglin, este local de teste é capaz de simular qualquer tipo de condição climática, que vão desde nevadas incessantes passando pelo frio ártico e indo até a humidade elevada das selvas tropicais.

sexta-feira, 28 de julho de 2017

O emprego das Forças Armadas (FA) em Operações de Garantia da Lei e da Ordem (Op GLO)


Por: Anderson Gabino
Com a autorização dada recentemente pelo Presidente Michel Temer, para o uso e emprego das Forças Armadas em GLO (Garantia da lai e da Ordem) no Rio de Janeiro, muitos questionamentos da população sobre o que de fato as Forças Armadas poderão contribuir e realizar em prol da segurança pública do Estado veem a tona, para tentarmos ajudar elaboramos este resumo, de um Manual de Orientação e Emprego do Ministério da Defesa, onde procuramos elucidar aos nossos leitores e seguidores, de como as FA poderão atuar no Estado do Rio de Janeiro, nos próximos 18 meses.

Presidente da República Michel Temer, assina decreto em que autoriza a atuação das Forças Armadas no Rio de Janeiro

Por: Redação OD
O presidente Michel Temer assinou hoje (28) decreto que autoriza o emprego das Forças Armadas para a garantia da lei e da ordem no Rio de Janeiro. O decreto, que está publicado em edição extra do Diário Oficial da União, autoriza a permanência dos militares no Rio de hoje até o dia 31 de dezembro. A atuação das Forças Armadas no estado será em apoio às ações do Plano Nacional de Segurança Pública.

Academia Militar das Agulhas Negras realizou exercício de Operação Ofensiva aos cadetes do Curso de Infantaria


Por: Redação OD
Tendo em vista preparar os futuros Oficiais de Infantaria para as peculiaridades do combate moderno, que tem como características a elevada mobilidade, a mudança constante no cenário do conflito e as operações em ambiente humanizado, o Curso de Infantaria executou um exercício em que todas essas variáveis estavam presentes para o melhor entendimento da guerra atual. O exercício de Operações Ofensivas, realizado em 2017, iniciou com a ocupação de uma Zona de Reunião na região de Porto Real, onde foram realizadas as ordens, os ensaios e os preparativos para o ataque.

Grupamento de Fuzileiros Navais de Natal ministra aula de Operações Ribeirinhas para Polícia Civil do Ceará



Por: Redação OD

O Grupamento de Fuzileiros Navais de Natal (GptFNNa) ministrou, no período de 26 a 28 de junho, o módulo de Operações Ribeirinhas do 1º Curso de Operações Táticas e Especiais (COTE) da Polícia Civil do Estado do Ceará. A instrução prática ocorreu na Praia do Y, área cedida pelo 17º Grupo de Artilharia de Combate do Exército Brasileiro. A capacitação visa habilitar os alunos para atuarem em missões policiais onde seja necessária a aplicação da Doutrina de Operações Especiais. 

Estados Unidos, Reino Unido e OTAN juntos no exercício naval Saxon Warrior 2017...enquanto a Coréia do Norte testa mais um Missíl


Por: Redação OD
Países membros da OTAN em conjunto com nações parceiras irão se unir aos grupos navais de ataque dos EUA e do Reino Unido durante 10 dias a partir de 1 de agosto para a realização de exercícios de combate, conforme nota do Comando Europeu dos Estados Unidos (EUROCOM) nesta sexta-feira dia 28. A 6ª Frota dos EUA, incluindo o porta-aviões H. W. George Bush, vão estar lado a lado com grupos navais de ataque do Reino Unido, da OTAN e de nações amigas para desenvolverem suas capacidades navais e da aviação de froma combinada, explicou o comunicado. "Os militares irão participar de cenários complexos no exercício, que abrangem todo o espectro de operações de um grupo de ataque com porta-aviões, incluindo ataques estratégicos, operações de defesa aérea, apoio aéreo de combate e garantia de zona de exclusão aérea", declarou o comunicado. 

Presidente Filipino Rodrigo Duterte ameaça bombardear escolas por ensinarem "subversão e comunismo"


Por: Redação OD

As declarações do presidente filipino, Rodrigo Duterte, tem sido bombásticas, na guerra declarada pelo governo contra o tráfico de drogas, onde ele afirmou que pode atingir até mesmo escolas tribais com ataques aéreos, pois, segundo ele, essas instituições educacionais estão ensinando "subversão e comunismo". Na noite da última segunda-feira (24), depois de seu discurso, Duterte disse aos jornalistas: "Eu vou bombardear aquelas escolas".

Indústrias de Defesa contarão com acesso ao Fundo Desenvolvimento do Nordeste (FDNE) para se instalarem na região

Foto: Wagner Ramos/SEI-PE
Por: Redação OD
A partir de agora, indústrias de defesa que quiserem se instalar na região Nordeste do País poderão contar com financiamento do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE) operacionalizado por bancos da região e gerenciado pela Sudene (Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste). A novidade foi anunciada nesta quinta-feira (27), após participação do ministro da Defesa, Raul Jungmann, na 21ª Reunião do Conselho Deliberativo da SUDENE, que contou ainda com as presenças do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e do secretário de Produtos de Defesa do Ministério da Defesa, Flávio Basilio. “Isso significa tecnologia, inovação, empregos e impostos, que é tudo o que a gente precisa para alavancar o desenvolvimento na região Nordeste”, comemorou o ministro Raul Jungmann.

Após passar por reforma 'Novo Bandeirante' volta a ser destaque no Parque Santos Dumont em SJC


Por: Redação OD

O protótipo do avião Bandeirante foi devolvido nesta última quinta-feira (27) ao Parque Santos Dumont. O ato fez parte das comemorações pelo aniversário de 250 anos de São José. Cerca de 400 pessoas acompanharam a solenidade. Desgastado e com marcas do tempo, o avião histórico foi retirado do parque municipal e passou por um restauro completo, feito por ex-funcionários da Embraer e também por alunos do Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza).

Ação da polícia e de militares em conjunto devem gerar reação do crime e pode criar clima de guerra no Rio, diz Jungmann


Por: Redação OD

O Ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse que em breve as Forças Armadas vão apoiar as forças policiais do Rio de Janeiro no combate ao crime organizado tendo como foco os arsenais e rotas usados pelos traficantes, o que deve gerar uma reação que pode criar um clima de guerra no Estado. Jungmann avaliou que o crime organizado chegou a um nível tão avançado que é preciso a adoção de novas medidas e ações não convencionais. Ele acredita que essa nova estratégia de combate ao crime vai gerar reações do tráfico e outros criminosos que não vão querer perder suas posições e fontes de receita e pediu apoio e compreensão da população e das instituições.

quinta-feira, 27 de julho de 2017

HMS Queen Elizabeth poderá ser enviado para a região do sul do Mar da China tão logo seja comissionado pela Royal Navy


Por: Redação OD

O Governo do Reino Unido tenciona enviar o seu mais novo porta-aviões para eventuais manobras nas águas disputadas no Mar do Sul da China, e assim ajudar na proteção da liberdade de navegação, disse o ministro das Relações Exteriores britânico, Boris Johnson, nesta quinta-feira (27). Segundo a impresa Britânica, o moderno porta-aviões HMS Queen Elizabeth que é o maior navio da Marinha do Reino Unido e ainda está no começo das fases de testes. O navio deverá de ser comissionado pela Royal Navy até o final de 2017. Já o segundo navio desta mesma classe, o porta-aviões HMS Prince of Wales está sendo finalizado nos estaleiros navais escoceses.

Força Aérea Brasileira utiliza o CLBI como teatro operacional para capacitação do Projeto DIANA


Por: Redação OD

A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, de 12 a 30 de junho, o Curso de Integração do Projeto DIANA – alvo aéreo caracterizado por uma Aeronave Remotamente Pilotada (ARP) de alta velocidade, guiado pelo Sistema de Posicionamento Global (GPS), utilizado no treinamento de armamento de alta sofisticação de emprego militar. Realizado no Centro de Lançamento Barreira do Inferno, em Parnamirim (RN), o objetivo foi transmitir os conhecimentos necessários para executar a montagem e testes no segmento aéreo e seus subsistemas embarcados de forma independente.

Pesquisa comprova o êxito do trabalho do Exército Brasileiro durante sua aplicação na Força de Pacificação na Maré


Por: Fábio Ricardo Marques

Ao realizar rápida busca acerca da Operação São Francisco, executada pelas Forças Armadas no Complexo da Maré, por meio da Força de Pacificação Maré (F Pac Maré), no período de 5 de abril de 2014 e 30 de junho de 2015, verifiquei a existência de inúmeros trabalhos ligados ao assunto. Chamou-me a atenção uma pesquisa publicada recentemente, intitulada "A Ocupação da Maré pelo Exército Brasileiro – Percepção de Moradores sobre a Ocupação das Forças Armadas na Maré", e coordenada por Eliana Sousa Silva, Pós-Doutora em Segurança Pública pela Social Science Research Council e Diretora da ONG Redes da Maré.

Helicóptero Tiger da Bundeswehr (Forças Armadas da Alemanha) cai no Mali matando seus ocupantes


Por: Redação OD

Um helicóptero alemão caiu nesta quarta-feira (26/07) na região de Gao, no Mali, matando dois militares alemães, segundo afirmaram agências de notícias internacionais, citando fontes oficiais. A aeronave era parte da missão de paz das Nações Unidas no país, chamada Minusma. A operação enviou uma equipe ao local do acidente para iniciar uma investigação sobre as suas causas e as circunstâncias em que ocorreu, informou um porta-voz da missão, Farhan Haq, em Nova York. Ahmad Makaila, outro porta-voz da Minusma, disse à agência de notícias alemã DPA que o helicóptero, pertencente à Bundeswehr (Forças Armadas da Alemanha), caiu por volta das 12h30 (hora local), perto da cidade de Tabankort.

Capitania Dos Portos do Rio de Janeiro realiza operação conjunta para coibir ilícitos na Baía de Guanabara


Por: Redação OD

A Capitania dos Portos do Rio de Janeiro (CPRJ) participou de uma ação de fiscalização noturna do tráfego aquaviário, em conjunto com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (IBAMA), Núcleo Especial de Polícia Marítima (NEPOM), unidade da Polícia Federal; e o Grupamento Marítimo e Fluvial (GMF), unidade da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ); a fim de coibir irregularidades sob o aspecto da Lei de Segurança do Tráfego Aquaviário, bem como de reprimir a pesca predatória, no interior da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro.