Mostrando postagens com marcador Submarino. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Submarino. Mostrar todas as postagens

domingo, 4 de fevereiro de 2018

China planeja equipar sua frota de submarinos nucleares com tecnologias de inteligência artificial (AI)


Por: Redação OD

A China está trabalhando em um projeto para implementar as últimas tecnologias de inteligência artificial em submarinos nucleares, informa o South China Morning Post, citando um pesquisador familiarizado com o assunto. "Embora um submarino tenha enorme poder destrutivo, seu cérebro é pequeno", disse o pesquisador, que falou sob condições de anonimato. A equipe toma todas as decisões. O novo sistema "pensaria" de forma autônoma e simplificaria o importante processo de tomada de decisão para os comandantes.

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Agência de Projetos de Investigação Avançados de Defesa dos EUA libera vídeo de testes do Sea Hunter, Caçador de Submarinos


Por: Redação OD

O Sea Hunter, o novo navio caça-submarino não tripulado dos EUA, desenvolvido para detectar e vigiar submarinos inimigos, passou com sucesso os testes, provando suas capacidades inéditas. O vídeo dos testes no mar do Sea Hunter foi publicado pela Agência de Projetos de Investigação Avançados de Defesa (DARPA). O novo sistema robótico tem por objetivo detectar e vigiar submarinos diesel-elétricos equipados com tecnologia de camuflagem 'stealth'.

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Agência de Inteligência Naval dos EUA conclui relatório onde afirma-se que submarino ARA San Juan explodiu em 0,4 s


Por: Redação OD

De acordo com a Agência de Inteligência Naval dos EUA (NCIS), que após analisarem os dados obtidos pela Organização do Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares, chega-se a conclusão que o submarino argentino San Juan, desaparecido há quase 2 meses, fora completamente destruído na sequência de uma explosão em 40 milissegundos, comunicou a AgênciaO relatório, explica que a explosão ocorrera a 400 metros de profundidade, com uma potência aproximadamente igual a 6 toneladas de TNT. "O casco externo do submarino foi totalmente destruído em 40 milissegundos [0,4 segundos]", diz-se no documento. 

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Noémie Freire: A primeira mulher no curso de Submarinista da Marinha Portuguesa


Por: Redação OD

"Minha mãe e minhas avós estão mais nervosas e ansiosas do que eu (…) meu marido me dá total apoio e ao meu filho já expliquei tudo a ele." relata a mulher que tentará ser, a primeira submarinista da Marinha Portuguesa. Noémie Freire, de 29 anos, começa na próxima sexta-feira (5) o curso de submarinista, o qual levará em torno de 9 meses, e que tem "grande exigência nas matérias teóricas e de muita prática". A militar conta que também sente o "nervosismo", ainda mais por ser a primeira, desperto mais a atenção, uma vez que até hoje os submarinos eram apenas para militares do sexo masculino.

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Submarino Australiano da I Guerra Mundial é encontrado 103 anos depois. Ele era o maior mistério naval Australiano


Por: Redação OD

Após longos 103 anos de dúvidas, o mais antigo mistério naval da história Australiana, foi resolvido com a descoberta de destroços do seu primeiro submarino, mais de um século depois do seu desaparecimento ao largo da costa da Papua Nova Guiné, segundo nota do governo Australiano. O HMAS AE1, era o primeiro de dois submarinos da “classe E’, construídos para a Real Marinha Australiana e desapareceu em 14 de novembro de 1914, com 35 tripulantes a bordo de uma tripulação mista entre australianos, britânicos e neozelandeses.

domingo, 26 de novembro de 2017

Auditoria realizado pelo MoD Argentino teria detectado irregularidades na compra de baterias para os submarinos


Por: Redação OD
Após o Leão estar morto, aparecem inúmeros caçadores. Quem nunca ouviu este jargão jocoso ou algum semelhante, após uma situação ou algo ter dado errado. Após o desaparecimento do submarino ARA SAN JUAN, é divulgado pela mídia local que uma investigação teria sido feira pelo Ministério da Defesa da Argentina, onde o mesmo teria advertido sobre "irregularidades" na compra direta das baterias do ARA San Juan e de outros submarinos. Neste caso o Leão em questão seria o submarino desparacido e os "caçadores" seriam as autoridades e a mídia, na busca por um culpado. A informação foi divulgada neste domingo pelo jornal argentino "La Nacion". O periódico hermano diz ter tido acesso a uma cópia das ações que chegaram na forma confidencial, a três escritórios oficiais fazendo o alerta. A informação coincide com a auditoria do Sindicato Geral (Sigen), que também questionou o procedimento. 

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Imágenes y detalles para entender qué pudo haber pasado con el submarino desaparecido


Por: Redacción OD

El submarino ARA San Juan zarpó el lunes 13 de noviembre de Ushuaia con destino a Mar del Plata. El miércoles 15 se perdió todo contacto con la nave, luego de una comunicación registrada a las 7.30. Su última posición conocida fue a la altura del Golfo San Jorge, 240 millas náuticas (432 km) mar adentro.

domingo, 20 de agosto de 2017

Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB) da Marinha do Brasil sofre com crise fiscal

PROSUB é o programa mais importante da Marinha e prevê fabricação de quatro submarinos convencionais com suporte francês; o quinto deve ser movido à propulsão nuclear e desenvolvido com tecnologia brasileira - Custódio Coimbra / Agência O Globo

Por: Redação OD

O Programa de Desenvolvimento de Submarino (PROSUB), projeto mais estratégico da Marinha brasileira, corre o risco de não atingir a meta de lançar ao mar, no terceiro trimestre de 2018, seu primeiro submarino. O risco não vem do mar ou de um inimigo, e sim do contingenciamento orçamentário adotado pela equipe econômica. Para tentar cumprir o objetivo diante da escassez de recursos, a Marinha já fez um downgrade (ou seja ao invés de atualizar o projeto, eles estão simplificando mais) do projeto inicial e, nessa reta final, reduziu o ritmo de obras no estaleiro de manutenção, na base naval e no complexo radiológico. Agora, torce por uma nova liberação de recursos.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

De USS AMBERJACK a S-14 CEARÁ.. Conheça um pouco mais da história deste Subamarino


Por: Redação OD

Submarino do tipo “Fleet Type”, o CEARÁ foi construído pelo Estaleiro Naval de Boston, Estados Unidos da América do Norte, cuja quilha foi batida em 8 de fevereiro de 1944, sendo lançado ao mar em 15 de dezembro de 1944. Sua madrinha foi a Sra. W.E.Lang Jr., esposa do Tenente W.E.Lang Jr. Foi comissionado na Marinha Norte Americana em 4 de março de 1946. Recebeu o nome de USS AMBERJACK (SS-522), o mesmo nome do seu antecessor, o primeiro AMBERJACK (SS-219) que afundou ou avariou cerca de 40 000 toneladas de navios inimigos antes de desaparecer em sua terceira e última patrulha de guerra, no dia 22 de março de 1943. Seu primeiro Comandante foi o Capitão-de-Fragata W.B.Parham.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Coreia do Sul adquire submarino de 1800 Toneladas como resposta ao Norte

Por: Redação OD

A Marinha da Coréia do Sul, recebeu na sede da empresa Daewoo, na Ilha de Geoje, um novo subamarino de 1.800 Toneladas, que fará frente as ameaças vindas no Norte, e aumentando assim o seu poder bélico e de dissuasão, já que a tensão na peninsula coreana tem estado em uma crescente, face os testes nucleares e as ameaças de um possível ataque oriundos de Pyongyang.

sábado, 3 de junho de 2017

NUCLEP entrega nova Seção e Conjunto do Submarino Tonelero

NUCLEP entrega nova Seção e Conjunto do Submarino Tonelero
Por: Redação OD
A NUCLEP entregou, na manhã desta terça-feira (30/05), a Seção S1 e o Conjunto TR3 + TR4 do S-BR3 – Submarino Tonelero, fabricados em parceria com a Itaguaí Construções Navais (ICN). A cerimônia aconteceu no Galpão Principal, com a presença do presidente interino e diretor Administrativo, Carlos Henrique Seixas, o diretor Industrial, Rogério Borges, o diretor Comercial, Ricardo Corrêa, e colaboradores da empresa.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

SAAB projeta se tornar uma das grandes fornecedoras de armamentos aos Países membros da OTAN


Por: Redação OD

Com um grande alerta de terrorismo e as crescentes inconstâncias sócio-políticas pela Europa, vários países membros da OTAN estão sendo forçados a investir mais na área da defesa, consequentemente serão canalizados bilhões de euros para obtenção de novos materiais bélicos, e dos mais diversos tipos. Com a reunião de cúpula da OTAN prevista para o fim de maio, a empresa sueca SAAB espera ter uma década de aumento das vendas. Tendo ameaças reais e novamente imaginadas, bem como o objetivo comum da OTAN de alocar pelo menos 2% do PIB de cada país à defesa, fazem com que os políticos europeus sejam obrigados a aumentar as despesas destinadas a este setor.

domingo, 4 de setembro de 2016

Entrevista com o CMG Brites Nunes, da Armada Portuguesa que foi o primeiro submarinista a disparar um torpedo


Por: Redação OD

O periódico lusitano "Diário de Notícias', em sua coluna Vida de Militar, realizou uma bela entrevista com o Capitão-de-Ma-e-Guerra Brites Nunes, o qual foi o primeiro oficial da Armada Portuguesa a ter o prazer de efetuar o primeiro disparo real de um torpedo, através de um submarino desta força naval. O Comandante Brites Nunes, conta um pouco de sua vida como militar e faz algumas análises atuais, vale conferir!!

domingo, 28 de agosto de 2016

USS Illinois depois de 5 anos de construção e quase U$S 3 Bilhões de gastos, finalmente é entregue à US Navy


Por: Redação OD

A empresa de construção naval General Dynamics Electric Boat entregou à Marinha norte-americana um submarino que custou as cifras de U$s 2,7 bilhões. Conforme dados destacos pela agência de notícias, Associated Press, a construção deste submarino demorou quase cinco anos e meio. Ele será batizado de USS Illinois, em honra de estado natal da esposa do presidente dos EUA Michelle Obama. A primeira-dama deverá acompanhar o trabalho do submarino e a vida da tripulação. O submarino teve a proa redesenhada com dois tubos grandes para lançamento de mísseis Tomahawk em vez dos 12 tubos menores. Os tubos maiores foram projetados para que a Marinha tenha flexibilidade para também poder lançar armas do futuro e veículos não tripulados, disse Blomstedt, vice-presidente da Electric Boat, citado pela AP.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

NUCLEP entregou a Itaguaí Construções Navais, a 4ª seção do futuro submarino SBR-2


Por: Redação OD
A NUCLEP entregou em meados de julho, a S1 do SBR-2 à Itaguaí Construções Navais (ICN), esta é a quarta seção de um total de cinco que compõem o casco resistente do submarino. A S1 apresenta características especificas e se diferencia dos componentes entregues anteriormente. Esta é a seção da popa do submarino, ou seja, é a que compõem a parte mais a ré da estrutura do SBR-2. Nela passará o eixo propulsor onde será montado o hélice.

sábado, 9 de julho de 2016

Coreia do Norte realiza teste com míssil à patir de um submarino, entretanto autoridades militares americanas relatam que teste falhou

A agência de notícias oficial da Coreia do Norte divulgou em Abril a imagem de um teste com um míssil submarino que será idêntico ao lançado este sábado AFP PHOTO / KCNA VIA KNS
Por: Redação OD
A Coreia do Norte fez este sábado mais um lançamento de um míssil a partir de um submarino do mar do Japão, segundo confirmaram fontes do Ministério da Defesa de Seul. Este lançamento, o mais recente de uma série de testes que a Coreia do Norte tem realizado nos últimos meses, terá sido efetuado das águas no leste da península, próximo da cidade de Sinpo, pelas 11h30 (3h30 em Portugal continental). Fontes do departamento de Defesa dos EUA referem que o míssil terá caído ao mar e que o teste falhou, não representando qualquer perigo.

domingo, 3 de julho de 2016

NUCLEP entrega a terceira parte do SBR-2

A NUCLEP entregou no ultimo dia 23 de junho, a S2B, terceira seção do SBR-2 à Itaguaí Construções Navais (ICN).

Por: Redação OD

Funcionários da NUCLEP e da ICN se reuniram no Galpão Principal para participar da solenidade de entrega da seção. Esta é a terceira parte do SBR-2 entregue. Em fevereiro foi entregue a S4 e em abril a S3. A previsão é que todo o casco resistente seja concluído e entregue até o final deste ano. Estiveram presentes na cerimônia, o Presidente da NUCLEP Jaime Cardoso, os Diretores, Comercial, Celso Cunha; Industrial, Liberal Zanellato; e Administrativa em exercício, Isabella Bragança. Também participaram o Presidente da ICN, Pascal Le Roy e os Diretores, Administrativo, Carlos Alberto de Oliveira; Industrial, Carlos Adolpho Friedheim; e Operacional Cleber Siqueira.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Revelada as primeiras imagens do submarino secreto Chines o Type 093B

O Type 093B SSN é o mais novo submarino nuclear de ataque Chines. Furtivo e rápido, ele pode rapidamente disparar uma grande quantidade de mísseis de cruzeiro verticalmente sobre navios desavisados ​​e alvos terrestres.

Por: Redação OD

Um usuário do fórum chinês popular "Top81" publicou uma fotografia do suposto submarino nuclear da classe 093, atracado para manutenção em um porto desconhecido. A revista britânica IHS Jane e norte-americana Popular Science dedicaram dois artigos sobre as vantagens e desvantagens do projeto. Os britânicos identificaram que o submarino tem certas modificações em comparação com os dois primeiros aparelhos lançados entre 2006 e 2007. A IHS Jane adicionou que este submarino pode transportar uma doca seca removível. 

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Submarino russo Stary Oskol testa mísseis de cruzeiro Kalibr-NK no Mar de Barents



Por: Redação OD

O submarino de ataque diesel-elétrico russo Stary Oskol, do projeto 636,3 Varshavianka, lançou mísseis de cruzeiro do sistema Kalibr-NK no Mar de Barents como parte do programa de testes das armas da embarcação, segundo disse o porta-voz da Frota do Norte da Rússia, capitão Vadim Serga, nesta sexta-feira (6). De acordo com a declaração oficial, o Stary Oskol superou "uma série de provas na Frota do Norte" e lançou “com êxito” um míssil de cruzeiro Kalibr "contra um alvo na costa".

domingo, 1 de maio de 2016

Submarino nuclear russo destrói alvo com míssil de cruzeiro (VÍDEO)




Por: Redação OD

Um submarino nuclear russo destruiu um alvo de teste usando o mesmo tipo de míssil de cruzeiro que foi utilizado na luta contra o Daesh na Síria. O Severodvinsk, mais novo submarino nuclear da Flotilha do Norte da Rússia, executou um ataque preciso contra um alvo de teste durante um exercício militar de rotina na costa da Região de Arkhangelsk. O ataque foi efetuado usando mísseis de cruzeiro Kalibr. Esse tipo de míssil de cruzeiro foi sensação em outubro do ano passado, quando a Flotilha russa do Cáspio disparou com sucesso contra alvos do Daesh localizados a mais de 1.400 Km de distância na Síria.