Mostrando postagens com marcador Vigilância Aérea. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Vigilância Aérea. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 26 de junho de 2018

Austrália investe em drones não tripulados para ajudar na vigilância sobre o Mar do Sul da China

A Austrália irá investir U$S 6 bilhões para a adquisição de seis Northrop Grumman MQ-4C Triton como parte de suas operações de vigilância
Por: Redação OD

Frente a crescente “expansão” chinesa pelo tão disputado Mar do Sul da China, a Austrália está gastando grandes cifras de dinheiro em aeronaves não tripuladas, já que as mesmas podem voar mais alto e mais longe que as suas tripuladas, e assim auxiliam nas operações de vigilância sobre as áreas sensíveis. Recentemente, o primeiro-ministro Australiano Malcolm Turnbull, revelou que seu governo irá investir U$S 6 bilhões para à adquisição de seis unidades do Drone MQ-4C Triton, da empresa Northrop Grumman, "por meio do programa de vendas militares estrangeiras (Foreign Military Sales - FMS) com a Marinha dos Estados Unidos".

quinta-feira, 1 de março de 2018

Um EP-3 Aries e um RQ-4A Global Hawk, foram detectados realizando voos próximos a fronteira da Crimeia


Por: Redação OD

Um avião de reconhecimento norte-americano EP-3 Aries e um drone de vigilância aérea RQ-4A Global Hawk foram detectados quando ambos realizavam voos de reconhecimento perto das fronteiras russas, conforma indicam os dados do CivMilAir, que monitora voos de aeronaves militares. O avião de reconhecimento, com o número de matrícula 157326, decolou de uma base aérea na ilha de Chipre e realizou um voo de várias horas ao longo da costa da península da Crimeia e da região de Krasnodar.

sábado, 13 de janeiro de 2018

Marinha Indiana avalia adquirir mais unidades do Boeing P-8 I Poseidon


Por: J.G Araújo

A Marinha Indiana está considerando a aquisição de mais aeronaves Boeing P-8I Poseidon de vigilância e Guerra Anti-Submarina (ASW), de acordo com o chefe da Marinha Almirante Sunil Lanba. Em uma entrevista à revista 'Estratégia da Índia', o Almirante Lanba disse que a capacidade de vigilância aérea é um importante subconjunto das operações navais e que, embora a proposta estivesse na mesa, ele não poderia divulgar os números exigidos. Seus antecessores falaram algo em torno de 30 aeronaves de reconhecimento marítimo de longo alcance (LRMR), sob as quais a marinha já instalou oito aeronaves e fez uma ordem para mais quatro.

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Coreia do Sul deseja fortalecer suas Forças Armadas com aquisição de submarinos nucleares e satélites de vigilância

Submarino norte-americano da classe Los Angeles, ao lado do destroyer USS Higgins
Por: Redação OD

A Alta cúpula do governo sul-coreano está avaliando sobre a possibilidade de se adquirir submarinos nucleares para conter os avanços e os testes nucleares realizados pela Coreia do Norte. Em reuniões recentes, onde as conversações do presidente sul-coreano, Moon Jae-in, com o seu homólogo norte-americano, Donald Trump, seria de reforçarem a defesa conjunta dos aliados contra a Coreia do Norte através da “aquisição e desenvolvimento dos meios de defesa mais avançados” ou  implantação de  armamentos estratégicos dos EUA no país asiático.

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Avião de vigilância da Força Aérea Brasileira realiza pouso emergencial no Aeroporto de Alta Floresta


Por: Redação OD

Um visitante ilustre pousou na manhã desta terça-feira (22), decorrente de um pouso emergencial, no aeroporto municipal de Alta Floresta. O visitante em questão era uma aeronave da Força Aérea Brasileira, que realizou a opção por Alta Floresta em decorrência de mudança de rota. Ela seguia para a Base Aérea do Cachimbo/PA, mas não conseguiu pouso no local e optou em alternar para Alta Floresta. Como forma preventiva e de segurança adotadas em protocolos deste nível, a unidade do Corpo de Bombeiros foi acionada e acompanhou o procedimento de pouso.

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Avião de vigilância russo sobrevoa o Pentágono seguindo as diretrizes do Tratado Internacional de Céu Aberto


Por: Redação OD

Como parte do Tratado Internacional de Céu Aberto, uma aeronave de vigilância russa Tupolev Tu-154 sobrevoou a capital Washington  na última quarta-feira 09/08, segundo relato de autoridades americanas, as quais foram noticiadas pela rede de TV CNN. O Voo ocorreu sobre locais importantes como PentágonoCapitólio, e prédios do governo do norte americano e tem como finalidade coletar informações de inteligência. Apesar de entrarem em um espaço aéreo restrito, o Tu-154 da Força Aérea Russa, estava autorizado a realizar o voo por meio do Tratado, do qual os dois países e outras 32 nações são signatários.

domingo, 7 de agosto de 2016

Imagens inéditas mostram outro ângulo da abertura das Olimpíadas, Confira as fotos e vídeos


Por: Redação OD

As imagens da cerimônia de abertura das Olimpíadas, na sexta-feira (05/08), no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, correram o mundo. Mais de 3,5 bilhões de pessoas assistiram à solenidade do maior evento esportivo mundial. Enquanto a empresa oficial de transmissão não perdia nenhum detalhe, a Força Aérea Brasileira (FAB) captou um outro ângulo, com imagens inéditas da festa. Acompanhe as fotos e o vídeo. 

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Companhia de Precursores Pára-quedista forma novos operadores de sistema de aeronaves remotamente pilotadas


Por: Redação OD
No período de 30 de Novembro de 2015 a 20 de Maio de 2016 dois integrantes da Equipe GOLF realizaram o processo de formação exigido para operar o Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas (SARP) FT-100 da Flight Technologies. Esse PRODE tem como objetivo aumentar a consciência situacional por parte dos comandantes em todos os níveis e, devido sua natureza tática de emprego (SARP Categoria 1), possui a capacidade de ser transportado junto do militar em seu fardo de combate específico, durante a infiltração da Equipe de Precursores, até próximo de seus objetivos e cumprir missões de Inteligência, Reconhecimento, Vigilância e Aquisição de Alvos (IRVA) com alcance de até 12Km do seu ponto de decolagem.

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Helibras entrega novo EC145 a Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro

Crédito da imagem: Helibras/Felipe Christ

Por: Redação OD

A Helibras entregou o primeiro de dois novos helicópteros EC145 para uso policial e de vigilância à Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro. As aeronaves são consideradas ferramentas essenciais para o Sistema de Inteligência que o estado prepara para receber os Jogos Olímpicos nos meses de julho e agosto. O EC145 foi produzido na unidade da Alemanha da Airbus Helicopters e recebeu, no Brasil, a integração do mais moderno e avançado sistema de segurança, o C2I. “Além do avanço para o operador, é também um passo importante para a engenharia da Helibras que vem desenvolvendo projetos estruturados, de alta tecnologia e específicos para a realidade brasileira. O sistema é completamente novo, projetado por nossos engenheiros e o EC145 do Rio é a primeira aeronave biturbina a contar com esse avanço no país”, diz Dominique Andreani, vice-presidente de Negócios e Serviços.