Mostrando postagens com marcador Comando Militar da Amazonia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Comando Militar da Amazonia. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Exército Brasileiro revela que já apreendeu mais de 5 toneladas de drogas na Amazônia desde início deste ano


Por: Redação OD

As operações realizadas em parceria com os órgãos de segurança, pelas Forças Armadas e com informações do governo colombiano, vem ajudando no combate ao tráfico de drogas na região Amazônica, junto aos rios Negro, Japurá e Içá. Segundo o Comandante Militar da Amazônia, o General de Exército Geraldo Antônio Miotto, mais de cinco toneladas de drogas foram apreendidas na região Amazônica somente no início de 2018. "Somente esse ano, temos apreensões de mais de 5 toneladas de 'skunk' (uma das variações da Cannabis)…no rio Negro, Japurá e Iça", disse o comandante do CMA ao programa Bom Dia Amazônia. 

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Braço Forte, Mão Amiga: Exército Brasileiro atua firmemente em combate aos delitos transfronteiriços no Norte do País


Por: Redação OD

Em meio às grandes apreensões de entorpecentes realizadas pelo Comando de Fronteira Solimões e 8° Batalhão de Infantaria de Selva (CFSOL/8º BIS), na região fronteiriça do País, o Comandante Militar da Amazônia, General de Exército Geraldo Antonio Miotto, esteve em visita a Tabatinga nos dias 15 e 16 de janeiro, quando destacou a prontidão permanente da tropa, o adestramento contínuo, o espírito de corpo e a disposição para o cumprimento da missão.

domingo, 20 de agosto de 2017

Gen Miotto comandante do CMA, alerta que orçamento só cobre gastos até setembro

Comandante Militar da Amazônia, General de Exército Geraldo Miotto (Foto: Márcio Silva)
Por: Redação OD

O comandante Militar da Amazônia, general Geraldo Miotto, alertou que o corte no orçamento das Forças Armadas em 45% anunciado nesta semana pelo governo federal afetará a vigilância da região de fronteira e diminuirá a capacidade de operações na região amazônica. Segundo ele, o Comando Militar da Amazônia (CMA) possui uma reserva de recursos que só serão suficientes para cobrir os gastos até o mês de setembro. A partir de setembro se nós não tivermos os recursos necessários, nós vamos ter que diminuir as operações. Agora em quanto, depende da equação, depende dos recursos que nós vamos receber. Já iniciamos um novo planejamento. Vamos nos adequar. É equação matemática. Gente (tropa) é igual a recursos, que resulta em produção.

terça-feira, 27 de junho de 2017

Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS) realiza Diplomação e Brevetação de 82 novos “Guerras"


Por: Redação OD
O Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS) realizou no dia 21 de junho, as solenidades de Diplomação e de Brevetação dos 82 novos “Guerras”, dos Cursos de Operações na Selva 17/1, categoria “B” para Oficiais e 17/2, categoria “C”, para Subtenentes e Sargentos. O curso que iniciou no dia 3 de abril, com 108 alunos, teve duração de 12 semanas de treinamentos intensos nas bases de Instrução do CIGS, sendo divididas em três fases: a fase de vida na selva, a de técnicas especiais e a de operações, quando os alunos integram todos os conhecimentos adquiridos para planejar, comandar e participar de missões operacionais na Selva.

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Parque Regional de Manutenção/12ª RM – Pq R Mnt/12 realiza repotencialização de Embarcações EPE/EPG


Por: Redação OD 

No dia 12 de junho, o Parque Regional de Manutenção da 12ª Região Militar (Pq R Mnt/12) deslocou uma Equipe Técnica de Motores de Popa para o Centro de Embarcações do Comando Militar da Amazônia (CECMA), a fim de executar os Testes Dinâmicos de 10 motores de popa em embarcações pertencentes ao 7º Batalhão de Infantaria de Selva (7º BIS) e ao 17º Batalhão de Infantaria de Selva (17º BIS).

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Exército Brasileiro convida integrantes do Exército dos EUA para participarem de exercício militar inédito na Amazônia

Exército brasileiro convidam EUA para participarem de um exercício militar na tríplice fronteira amazônica, entre Brasil, Peru e Colômbia
Por: Redação OD
Tropas americanas foram convidadas pelo Exército brasileiro a participar de um exercício militar na tríplice fronteira amazônica entre Brasil, Peru e Colômbia em novembro deste ano. Segundo o Exército, a Operação América Unida terá dez dias de simulações militares comandadas a partir de base multinacional formada por tropas dos três países da fronteira e dos Estados Unidos. Descrita pelas Forças Armadas como uma experiência inédita no Brasil, a base internacional temporária abrigará itens de logística como munição, aparato de disparos e transporte e equipamentos de comunicação, além das tropas.

sábado, 9 de abril de 2016

Comandante Militar da Amazônia, General Guilherme Theóphilo critica a falta de recursos para operações na fronteira


Comandante MIilitar da Amazôani, General de Exército Theóphilo, criticou o governo federal e o Ministério da Justiça, e reclamou de falta de recurso para operações nas fronteiras (Foto: Gledson Albano/Arquivo Pessoal)

Por Rredação OD
Em tom de desabafo, o comandante militar da Amazônia, General Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, fez críticas ao governo federal e ao Ministério da Justiça, alegando falta de estrutura e recurso para realizar operações nas fronteiras. O desabafo ocorreu durante uma coletiva nesta quinta-feira (7) sobre a 'Operação Traíra', no 61º Batalhão de Infantaria de Selva (61º BIS), em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. Ao G1, o Ministério da Justiça rebateu alegando que o governo federal já adotou diversas ações para melhorar as condições das unidades da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal nas regiões de fronteira em todo o Brasil. A Justiça informou ainda que a Polícia Federal realiza em média cerca de 40 operações especiais por ano.