quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Muito além das fake news: as deepfakes

Imagem ilustrativa. Arte por estagiaria OD Brasilia.


Alegoricamente, pode-se dizer que as fake news surgiram com a própria criação do mundo, quando a serpente enganou os primeiros seres humanos da Terra sobre os benefícios de se provar o fruto proibido. A questão aqui é como seria possível uma criatura originária do Criador enganar Adão e Eva, também concebidos pelo mesmo Ser Supremo. Por que Deus faria isso?

domingo, 3 de novembro de 2019

A possibilidade de guerra civil na França em 2020? A OTAN já previu, e se prepara desde 2003!

Art by Orbis Defense.

Por: Yam Wanders.

E após  semanas de polêmicas, que envolveram a comprovação do ataque de um militante islâmico na Prefecture de Police de Paris,  o clima social e político na França é dos piores dos últimos tempos. 
O resultado do ataque do terrorista que foi infiltrado como funcionário no serviço de polícia, resultou na morte de 5 policiais, vários feridos graves, e,  o vazamento de milhares de informações secretas para movimentos jihadistas. Somado à tudo isso ainda ocorreram greves de policiais e bombeiros, e estes acabaram por sofrer repressões violentas contra suas manifestações que denunciam os ingerenciamentos do governo em diversos aspectos que resultam em altos índices de criminalidade e terrorismo assimétrico no país. 

E durante uma reunião no Palace d'Elisée, o  presidente Macron finalmente usou em declaração pública*, uma expressão que até então era exclusiva dos seus adversários da extrema direita, após uma série de eventos significativos que provam a existência de um alarmante nível de desgoverno na segurança interna da França. 

Recentemente, o presidente Macron disse: 

"Devemos  evitar amálgamas ( sentimentos de vingança) entre questões de imigração, radicalização islâmica, comunitarismo e secularismo"... "essa fusão levaria certamente à uma guerra civil na França".

A declaração, acabou sendo interpretada pela grande maioria da população, muito mais como uma afirmação de "mea culpa" do que uma idéia de apaziguamento...