Mostrando postagens com marcador Nova Empresa Aeronáutica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Nova Empresa Aeronáutica. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 3 de julho de 2018

Acordo de associação entre Embraer e Boeing está com 'negociações avançadas'. Embraer confirmou informação mas negou detalhamento


Por: Redação OD

A Embraer e a norte-americana Boeing estão em "negociações avançadas" para sua associação, disse a fabricante aeronáutica brasileira à AFP, embora tenha se negado a dar detalhes. "A Embraer não irá comentar detalhes, uma vez que as duas companhias estão em negociações avançadas", disse a empresa brasileira. Terceira maior fabricante aeronáutica do mundo, com volume de negócios de US$ 6 bilhões e 16 mil funcionários, a Embraer, privatizada em 1994, é uma das joias da indústria brasileira.

terça-feira, 19 de junho de 2018

Grupo técnico reúnem-se esta semana para decidir sobre parceria, mas a negociação entre Boeing e Embraer avança


Por: Redação OD

As negociações entre as empresas Embraer e Boeing avançaram nos últimos dias e uma nova reunião para tratar da criação de uma joint venture global na área de aviação deve ocorrer esta semana, disseram três fontes ligadas ao governo. As conversas entre as duas empresas e o governo federal, que detém direito de veto sobre decisões estratégicas da fabricante brasileira de aeronaves, visam enfrentar uma parceria em aviação comercial que deve ser concluída em julho entre a canadense Bombardier e a européia Airbus. Um grupo técnico fora criado dentro do governo federal para estruturar a parceria entre Boeing e Embraer e conta com a participação de integrantes dos ministérios da Fazenda, Defesa e outros órgãos.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Preocupação com aliança entre Embraer e Boeing foi superada, afirma ministro da Defesa


Por: Redação OD

O governo brasileiro tem grandes esperanças de que se chegue a um acordo entre as empresas Boeing e Embraer, já que as preocupações sobre os projetos militares estratégicos da empresa brasileira foram superadas, disse o ministro da Defesa, Joaquim Silva e Luna, em entrevista recente. O governo está acompanhando as negociações entre as duas empresas, nas quais ambas buscam um acordo "ganha-ganha", disse o ministro. Embora ele tenha se recusado a especular sobre quando elas poderiam chegar a um acordo, ele disse que não houve retrocessos e que ele espera que as conversas terminem até o final do ano, quando o mandato do atual governo terminar.

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Ministro da Defesa, diz que acordo entre Embraer e Boeing deve ser fechado ainda este ano. Acordo prevê aquisição de fábricas em Portugal

Foto: Roosevelt Cassio|Reuters
Por: Redação OD

O Ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, declarou estar otimista com o andamento das negociações para a associação da Embraer com a  Boeing. Onde espera-se que as empresas fechem tal acordo ainda esse ano, que não houve nenhum recuo nas tratativas que começaram no ano passado, mas as negociações são complexas dada a exigência do Brasil de preservar o braço estratégico da fabricante nacional, “As empresas buscam um caminho de ganha ganha entre elas. Esse caminho está sendo encontrado”, disse ele a jornalistas. O que se busca é preservar o lado de Defesa da Embraer, completou o ministro Silva e Luna, frisando que as reuniões de trabalho do grupo montado dentro do governo para cuidar da parceria entre as duas, das maiores fabricantes de aeronaves, estão andando e não houve nenhum recuo. O acordo está em uma fase bem avançada e é coisa para se findar esse ano ainda (…) Estou otimista demais.” destacou.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Reunião de negociação entre Boeing e Embraer para a criação de nova empresa avança, mas novo entrave surge


Por: Redação OD

Durante reunião realizada nesta quinta (19) em Brasília, avançou-se na tratativa de uma solução dos entraves à parceria entre a empresa norte-americana Boeing e a brasileira Embraer, sendo que fora identificado novos problemas, onde os quais podem vir a emperrar sua concretizaçãoO grupo de trabalho do governo ficou satisfeito com o encaminhamento da última versão da proposta da gigante americana e da fabricante brasileira, mas a questão da composição do conselho da nova empresa, que será criada por elas está sendo uma dor de cabeça.

quarta-feira, 28 de março de 2018

Negociação Boeing/Embraer está concentrada na área da defesa. Fontes dizem que as discussões têm sido "construtivas"


Por: Redação OD
As conversas sobre uma  possível fusão entre Boeing e Embraer continuam concentradas na área de defesa da companhia brasileira, tanto do ponto de vista da soberania do governo do Brasil quanto da sustentabilidade do negócio. A percepção de fontes próximas ao negócio é de que as discussões têm sido "construtivas" e de que houve evoluções no decorrer das conversas. Não há, contudo, clareza sobre quando um acordo poderia ser alcançado. Em declarações recentes, o presidente executivo da Boeing, Dennis Muilenburg, disse que a fabricante de aeronaves norte-americana vê um "excelente encaixe estratégico" em uma possível aquisição da Embraer, mas frisou que a operação não é essencial para o grupo norte-americano.

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Embraer e Boeing chegam a acordo para a criação de uma nova empresa. A área militar da Embraer não fará parte


Por: Redação OD

Embraer e a Boeing podem ter chegado a um acordo sobre a parceria e proposta de fusão entre as duas empresas. De acordo com a coluna da jornalista Miriam Leitão, no site O Globo, a Embraer aceitou a proposta da americana para a criação de uma terceira empresa, que ficará encarregada da operação comercial. A nova companhia, segundo a coluna, não inclui a parte militar do negócio, que era motivo de entrave nas conversas entre as fabricantes de aeronaves. As conversas sobre uma possível fusão entre as duas empresas foram divulgadas pela primeira vez em dezembro do ano passado. O negócio pode valer até U$S 6 bilhões.