segunda-feira, 2 de julho de 2018

Consórcio Damen Saab Tamandaré foi destaque na 1ª Rio International Defense Exhibition (RIDEX 2018)


Por: Redação OD

O Consórcio formado Damen e a Saab, se fizeram presente na 1ª Rio International Defense Exhibition (RIDEX 2018). Na ocasião, o consórcio apresentou algumas das empresas parceiras brasileiras como a Consub, empresa de soluções em tecnologia especialista em integração de sistemas navais, o Wilson Sons Estaleiros, operadora integrada de logística portuária e marítima do mercado nacional e a Akaer, especializada em mercados aeroespacial e de defesa. A parceria vem com o forte objetivo de atender às necessidades da Marinha do Brasil, onde a Saab e a Damen Schelde Naval Shipbuilding uniram forças e experiência para participar da concorrência das Corvetas Classe Tamandaré.

A Saab, empresa de origem sueca com mais de 80 anos de experiência no setor de defesa, e a Damen, empresa holandesa líder em construção naval com mais de 6 mil embarcações produzidas e mais de 20 marinhas atendidas em todo o mundo. Na proposta, a Saab fornecerá o Sistema de Gerenciamento de Combate Saab 9LV, utilizado por marinhas de vários países, conhecido por sua flexibilidade e fácil integração de módulos de terceiros. Neste projeto, a Consub fará a integração de todos os equipamentos. A Akaer, por sua vez, fornecerá outros sistemas de combate. 


A Damen, será responsável pelo fornecimento do navio Sigma 10514, um produto já produzido pela empresa, que pode ser adaptado de acordo com as exigências da Marinha do Brasil. Enquanto a Wilson Sons, construirá o navio em seu estaleiro no Guarujá, São Paulo. A proposta entregue à Marinha engloba extensa transferência de tecnologia, além de parcerias com empresas locais, fortalecendo a indústria nacional de Defesa do Brasil. Durante o evento, o estande da parceria recebeu visitas ilustres, como a do Ministro da Defesa, General Joaquim Silva e Luna, a do Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann e a do Comandante da Marinha, Almirante Eduardo Bacellar Leal Ferreira.

Nenhum comentário: