quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Operadores de Forças Especiais do Exército Brasileiro testaram durante o Curso de Forças Especiais o sistema COBRA 2020/IMBEL


Por: Redação OD

O Centro de Instrução de Operações Especiais (CIOpEsp), convidou a Fábrica de Material de Comunicações e Eletrônica (FMCE) da IMBEL para apresentar, demonstrar e testar em situação de elevada demanda, os primeiros protótipos do Sistema do Soldado do Futuro (SSF) / COBRA 2020. O Teste foi conduzido em Outubro de 2017, durante o exercício de Reconhecimento Especial do Curso de Forças Especiais, nas proximidades da cidade de Santa Maria – RS. Os Operadores de Forças Especiais, são especialistas em Guerra Não Convencional, em Operações Contra Forças Irregulares e de Contraterrorismo, onde os quais se Organizam em Destacamentos Operacionais de Forças Especiais (DOFEsp), podendo ser empregados em ambientes hostis, negados ou politicamente sensíveis.


Durante o exercício, fora empregado o rádio TPP-1400 Transceptor Portátil Pessoal, já de dotação do Exército Brasileiro e também testados novos produtos da família COBRA, como o CTV-1410 Compressor Tático de Vídeo, LTM-2403 Lanterna Tática de Mão Estroboscópica com Infravermelho e o CTP-1410 Computador Tático Pessoal, com a funcionalidade de rastreamento em tempo real dos DOFEsp desdobrados no terreno. Ainda de acordo com depoimento dos oficiais e sargentos alunos, o TPP-1400 destacou-se pela robustez e elevada durabilidade da bateria, sendo bem superior ao observado em equipamentos estrangeiros. Os demais equipamentos tiveram bom desempenho, demonstrando o acerto na concepção do SSF/COBRA 2020. O CIOpEsp mostra-se um excelente parceiro para o desenvolvimento e constante aperfeiçoamento de soluções para comunicações militares em desenvolvimento na FMCE.



*Com Informações da IMBEL
Postar um comentário