terça-feira, 21 de novembro de 2017

Possível localização de botes do A.R.A. "San Juan" por acft P-3B Orion da NASA aguarda confirmação

O P-3B Orion (N426NA) que está hoje em Ushuaia. Foto por Tim Baker via NASA.
Por: Redação OD.

De acordo com informações de radioamadores argentinos e de outras nacionalidades, que permanecem voluntariamente em radioescuta a partir do continênte  e em embarcações na região, se revezando nas frequências de emergência e serviços aéreo & marítimo 24X24 horas, uma aeronave P-3B Orion (N426NA) pertencente à NASA, que permaneceu toda esta segunda-feira em vôo na região do desaparecimento do subarino A.R.A. "San Juan", teria localizado pelo menos dois botes salva-vidas pertencentes ao submarino "San Juan". 


Foto de uma balsa de abandono de submarinos, modelo padrão que é usada pelos submarinos da classe do A.R.A. "San Juan" e muitos outros de marinhas do ocidente. Imagem via Babcocks Int. 

A localização dos botes teria sido facilitada pelas emissões em VHF do ELT (Emergêncy Locator Beacon) de um dos botes.
Ainda de acordo com as informações repassadas pelos radioamadores argentinos, um dos botes estaria vazio (observação visual da aeronave P-3B Orion da NASA) e o outro ainda não foi visualmente localizado e verificado, sendo essa situação sujeita a verificação de  embarcações que devem ser direcionadas para as coordenadas referidas pelo sistema de localização da aeronave americana  P-3B Orion (N426NA), que teria localizado os botes salva-vidas em questão.
O vôo de ontem da acft P-3B Orion da NASA sobre a região pôde ser acompanhada on-line por quem esteve conecatdo ao site da NASA. Acesse pelo link: https://airbornescience.nasa.gov/tracker/#!/map?callsign=NASA426&zoom=5&lat=-45.0763&lng=-64.9227&mapid=Dark%20Gray

Ainda não existe uma confirmação oficial da NASA ou da Armada Argentina sobre o fato, porém em muitas ocasiões sabemos que radioamadores são sempre decisivos na ajuda a localização em muitos casos de buscas e salvamentos de aeronaves, embarcações e pessoas perdidas e em situações de emergências.
Os radioamadores argentinos que repassaram a informação, garantem que também repassaram a informação às autoridades argentinas, porém por parte das Forças Armadas da Argentina ainda não foi confirmada qualquer informação até o momento. 
Os radioamadores argentinos que divulgaram a informação para nossa equipe preferem manter o anonimato até o presente momento.
Vale ressaltar que a região das buscas está sob severa condições atmosféricas, com ventos de mais de 80Km/H e chuvas intensas, que dificultam a visualização e rastreio de emissões por parte das embarcações que trafegam na área de buscas, e, somente aeronaves com equipamentos mais sofisticados tem maiores chances de localizar objetos de pequeno porte como os botes salva-vidas de escape e outros objetos.
De todas as aeronaves que estão participando das missões de SUBSAR na região, o P-3B Orion da NASA é o mais bem equipado. Ilustração por Tim Baker via NASA.

As Frequências HF em telefonia e telegrafia divulgadas para radioescuta internacional:

2065.0 Khz 416 Khz
2182.0 Khz 437 Khz
3023.0 Khz 500 Khz
3860.6 Khz 42395 Khz
4125.0 Khz 43040 Khz
4143.6 Khz 84470 Khz
6218.6 Khz 8528.0 Khz

Nenhum comentário: