sábado, 8 de outubro de 2016

Brasil e Chile têm interesse em aprofundar cooperação na área de defesa

De acordo com Jungmann, a reunião foi proveitosa e terá desdobramentos Foto: Tereza Sobreira/MD
Por: Redação OD
Com o intuito de estreitar as relações bilaterais em indústria de defesa, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, recebeu, na quinta-feira (6), o embaixador do Chile no Brasil, Jaime Gazmuri Mujica, para tratar de assuntos do setor. “Queremos aprimorar essas relações e o tema da indústria militar é de nosso interesse. Gostaríamos de ampliar a colaboração na área técnica”, afirmou o representante chileno. 

De acordo com Jungmann, a reunião foi proveitosa e terá desdobramentos. "Quero dizer que a resposta é positiva e vamos dar seguimento a esse encontro, que foi rico e interessante. Já na próxima semana, vamos tratar disso quando teremos uma bilateral com o ministro da Defesa do Chile. Com relação ao mecanismo 2+2, nós iremos dar agilidade”, afirmou o ministro Jungmann. 
Para Mujica, as experiências foram positivas quando visitou as Forças Armadas brasileiras. Na oportunidade, ele conheceu melhor a tecnologia utilizada nos submarinos da Marinha do Brasil, no exército, conversou sobre a parte de indústria militar terrestre, e, na Força Aérea, o embaixador pode ter mais conhecimento sobre os projetos da Embraer.

“Do ponto de vista político, temos muito interesse em um mecanismo que acordamos, que é o 2+2, que são reuniões periódicas entre os ministros de Relações Exteriores e de Defesa dos dois países. É uma instância de natureza bem estratégica na área de defesa e concordamos em iniciar esse mecanismo, este ano, com o Brasil”, acrescentou o embaixador.
FONTE: MD

Nenhum comentário: